Oposição precisa lançar uma Agenda do Povo Brasileiro.

A Agenda Brasil de Renan Calheiros, presidente do Senado, não tem absolutamente nada que proteja o brasileiro da inflação, da recessão, do desemprego, dos juros altos, da inadimplência e em última análise da fome e da falta de um teto. É uma agenda para ferrar o povo brasileiro.

É obrigação da Oposição lançar uma Agenda do Povo Brasileiro, com medidas que protejam o povo das insanidades da agenda de Renan e Dilma, que inclui itens como cobrar por tratamento no SUS. Não é preciso muita coisa, é preciso apenas um conjunto de ações que protejam os mais pobres da sanha arrecadatória e do ajuste que mais parece um nó górdio no pescoço do povo. De nada adianta botar um milhão nas ruas no domingo e começar a segunda como se nada tivesse acontecido, entregando a pauta para os oportunistas e corruptos como Renan Calheiros.

Comecem a Agenda do Povo Brasileiro pela transformação da Bolsa Família em lei, aquele velho projeto do Aécio, que o PT bloqueou. Se o PT roubou o seguro desemprego e mexeu em direitos trabalhistas, que garantia o povo tem que eles não vão mexer no benefício? Quem garante que Dilma não vá acabar com a Bolsa Família?

Outra medida: desempregados devem receber uma carência de no mínimo três meses para quitar qualquer dívida pública: financiamento estudantil, financiamento habitacional, empréstimo consignado, impostos de qualquer natureza. É preciso dar tempo para que o povo encontre nova colocação sem estar pressionado pelo governo que, com  a sua política econômica, o desempregou.

Mais uma iniciativa: todo o dinheiro repatriado do exterior deve ir para um fundo contra o desemprego, para ser aplicado em empréstimos a juros subsidiados e a longo prazo para quem está sem colocação no mercado. Dinheiro de rico ladrão, para pobre trabalhador. Sem essa de pegar dinheiro sujo para emprestar pra empresa suja que já extorquiu o BNDES.

Há várias medidas que a Oposição pode reunir e montar a Agenda do Povo Brasileiro, para contrapor esta piada chamada Agenda Brasil. Correção do FGTS. Correção da tabela do IR. Basta reunir os deputados e senadores amanhã, terça-feira, fechar a pauta e lançar. Se o governo quiser negociar a pauta deles, vai ter que negociar a pauta do povo. Simples assim. Portanto, mãos à obra.A Oposição não pode parar.

10 comentários

País a espera de oposição de fato mod

O povo espera uma oposição que não seja de esquerda para se aliar a ele.

Reply

Tá querendo muito Coronel...mais fácil os movimentos que lideram os pretetos, ou a galera aqui da internet fazer uma agenda com sei lá, 7, 10 pontos do que a atual oposição.

Reply

Se não adotarmos uma agenda autenticamente liberal, não vamos jamais nos tornar um pais civilizado. É preciso acabar com as estatais e dar ao Estado as atribuições que realmente importam para a população O Estado se encarregar de negócios, produzir, comprar, vender é um absurdo. Vamos cuidar da Educação, Saúde e Segurança e mais nada.

Reply

Voce está pedindo MAIS estado, é isso? Pois esse foi um dos motivos que me levou a protestar ontem;eu quero é menos, aliás muito menos, estado. Acabar com o bolsa esmola? Seria uma coisa excepcional, tão boa mas tão boa que ela não acontecerá.

Reply
Ferreira Pena mod

É de um programa conjunto que as oposições precisam para mostrar ao povo que está trabalhando, e, preocupadas com a situação do país. Atirar pra todo lado acaba não convencendo nem acertando em nada.

Reply

Ouvi uma pessoa dizer que a Dilma ja mexeu com o bolsa familia,uma pessoa falou que estava chatiada porque o beneficio baixou para R$35,00
trinta e cinco Reais.

Reply

Adorei, Coronel!
Concordo plenamente com você.
Esperando a Agenda do Povo Brasileiro!

Reply

Oposicao tem que limpar este governo sujo. Um protesto por mês ate ele sair.

Reply

Esse turma só sai a bala de de grosso calibre.

Reply

PAUTA PARA OPOSIÇÃO:

1) Reduzir o numero de ministérios para metade (20).

2) Reduzir os cargos de confiança para 5 mil e nas estatais mais ainda, retirar todos cargos políticos das estatais, deixar somente os técnicos trabalharem.

3) acabar com o bolsa familia

4) acabar com ajuda financeiras para ongs petralhas.

5) Reduzir em 30% o valor de todos os contratos em andamento acabando com os pixulecos.

Pronto já tem os 3% de superavit primario, e acaba a inflação, os juros altos e o país volta a crescer.

Reply