Pressão das ruas faz Dilma e o PT amarelarem e o pobre Levy procura desesperadamente R$ 15,8 bi para pagar o décimo terceiro dos aposentados.

(Folha) Sob pressão política, o governo Dilma decidiu manter o adiantamento de metade do 13° salário aos aposentados e pensionistas, pagamento que havia sido suspenso pelo Ministério da Fazenda sob o argumento de falta de fluxo de caixa para bancar a despesa. 

A data e a forma como se dará o adiantamento serão definidas nesta quarta-feira (19) em reunião da presidente com sua equipe econômica. A Fazenda não incluiu na folha de pagamento de agosto, que é paga entre o final deste mês e o início de setembro, o adiantamento de metade do 13º. 

Diante da falta de recursos em caixa, a equipe de Joaquim Levy argumentou que a antecipação não é obrigatória e postergou o gasto para dezembro. A lei prevê o pagamento no último mês do ano, mas há nove anos o governo federal vinha permitindo o repasse de metade do valor na folha de agosto. 

O pagamento de metade do 13º salário da folha da Previdência representa um gasto de R$ 15,8 bilhões, que terá de ser feito de qualquer forma neste ano. Portanto o impacto fiscal, no ano, é o mesmo, independentemente da data de pagamento. 

FOLHA EXTRA
Nesta quarta, a presidente vai analisar algumas alternativas. Entre elas, fazer uma folha extra para que o pagamento saia no final deste mês e início do próximo. Há, ainda a possibilidade, mais viável, de que a antecipação da metade do benefício ocorra na folha de setembro, paga até o início de outubro. 

Uma outra alternativa é parcelar o pagamento entre setembro e dezembro para diluir o impacto fiscal.
Segundo a Folha apurou, o governo foi informado de que o Congresso ameaçava aprovar uma norma obrigando o Palácio do Planalto a antecipar a despesa. 

Dessa forma, o governo assumiria o desgaste de não autorizar o adiantamento e ainda ser forçado a fazê-lo por intervenção do Legislativo. Outro foco de pressão veio do PT, partido da presidente, pelo "custo social" da medida. Entre os argumentos da sigla está o fato de os beneficiários não terem sido avisados com "antecedência razoável" de que não receberiam o dinheiro agora. Na avaliação de petistas, "milhares de pessoas" já haviam contraído dívidas contando com o dinheiro. 

No fim de semana, monitoramento feito pelo Executivo nas redes sociais mostrou uma forte reação contra a presidente da República diante dos rumores de que o adiantamento não ocorreria.

12 comentários

Despetralhando mod

Não contraia dívida contando com dinheiro C* do levyatã, que ele não tem.
Para aposentados e pensionistas bem entendido... já para a base alugada, seus trocentos ministérios e cargos de "bajulância", para estes não faltará pixulecos.

Reply

O valor total arrecadado em impostos no Brasil é tão grande que quase não conseguimos visualizar o comprimento total da cifre. Se falta dinheiro é culpa dos governos Lula e Dilma, que não levaram a sério o governo, por sua incompetência, improbidade, roubos, etc. Então para cobrir o rombo nos cofres e pagar os compromissos é fácil! É só ir buscar nos paraísos fiscais nas contas do cachaceiro, da ANTA, e da cumpanheirada parceira nas maracutais, o dinheiro roubado da Petrobrás, BNDEs, Eletrobrás, ....... e pagar os compromissos...!

É só querer e a justiça não ser tão lerda.

Reply

¨Procura desesperadamente R$ 15,80 bilhões¨???? Oras, é só pegar de volta o que esses vagabundos comunistas de merda roubaram que dá para pagar os aposentados, pagar a dívida interna, melhorar a saúde, educação, segurança, etc. Mas como não vai acontecer isso o jeito e arrancar do couro do bravo, perigoso, que não leva desaforo para casa e pentacampeão brasileiro. KKKKKKKKKKK

Reply

o pt também não avisou antecipadamente que dilma estava mentindo para os brasileiros durante a campanha eleitoral. Como fica o "custo social" neste caso?

Reply

MAIS MENTIRAS CORONEL.

FOLHA DE PAGAMENTO APOSENTADOS E PENSIONISTAS já EMITIDA sem a antecipação do 13º salário.

Consultei a minha e não depositaram.

Reply

Por mim Dilma, podes ficar com a metade do meu 13º contanto que voce esteja fora da nossa folha de pagamento. Quando, raios, voce vai passar no RH e pedir demissão???

Reply

vejam la no Antagonista...

enquanto isso não falta pixuleco publico para cineasta fazer aqueles filmecos de merda que se produz nessepaiz...

vai custar 10 milhões, é mole?

esse desgoverno precisa ser derrubado e essa mania de acariciar o setor cultural com pixuleos publicos tem de acabar...

tambem queria ser artista, mas nao deu, nao consegui me financiar para seguir a carreira...

agora o trabalhador tem que ficar sustentando o sonho de muito safado que quer ser artista...

façam sua arte dar dinheiro e banquem a si próprios, safados...

se o setor cultural nao se paga, que acabe...

Reply

A quantidade atual de aposentados seria qual?

Reply

Comentei aqui e parece que não entenderam, afinal, o governo vai ou não tirar o "Bode da Sala" para alegria geral dos idiotas?

Reply

Como eu já li num artigo no final que ganhou foram ELES! Afinal mesmo que amanhã depuséssemos esse (des)governo e garantíssemos que o PT não assume mais nada, acham que eles iram devolver os Bilhões que roubaram da nação nesses 13 anos? Que nada! Todos eles continuariam a ganhar suas pensões vitalícias e nos os trouxas pagando, enquanto eles choram em Miami que a ideologia não deu certo!Sem contar que as empresas que eles favoreceram que nunca devolvem os empréstimos camaradas do BNDES e quem devolve, goza do direito de pagar com juros muy amigo!
Se o povo não ir pra rua e só sair dela quando a casa for arrumada as coisas nunca vão mudar, aliás, a chance de entrar um governo pior que esse nunca foram tão grandes! Afinal o brasileiro adora um salvador da pátria e gente pra isso tem aos montes na política.

Reply

Que tal tirar das ONG, da UNE, do MST, da CUT, da cumpanherada dos ministérios cabides de empregos? Que tal tirar da venda da PTrobras, do BB, CE, do pré-sal? Dos polpudos salários dos altos funcionários do judiciário, do legislativo e executivo? Dos banqueiros? Empreiteros? Do bolsa esmola? Dos vagabundos em geral das selvas e dos morros que se encostam nos nossos impostos? Na redução dos efetivos das FFAA? Por outro lado, porque não desburocratizar, incentivar os pequenos e médios empresários, liberar as leis trabalhistas e sindicais, atrair investimentos estrangeiros, fazer uma política externa firme buscando maior participação no comércio exterior e buscar parcerias com países sérios.

Reply

Por favor,gostaria de saber como fica a situação dos pensionistas e viúvos que tiveram o benefício reduzido, a pinóquia disse que ia pagar agora em setembro,se vc tiver alguma informação por gentileza nos informe

Reply