Eduardo Cunha promete não deixar passar pedido de impeachment contra Dilma.

(Do Valor) Uma das maiores preocupações do PT com a eventual eleição de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) para a presidência da Câmara é que ele acate um pedido de impeachment da presidente da República por causa do escândalo de corrupção na Petrobras. Conselheiros da presidente sugeriram a Dilma, logo após as eleições de outubro, que fosse feito um acordo com Cunha para evitar tanto a instalação de uma nova CPI como um pedido de impedimento. O vice Michel Temer também advertiu que as investidas do governo contra Cunha poderiam criar um inimigo para o Palácio do Planalto na presidência da Câmara.

Não houve jeito. O PT manteve a candidatura de Chinaglia e o governo acionou seus aliados para bombardear o peemedebista. Na viagem ao Ceará, por exemplo, o governador e o prefeito locais cancelaram de última hora uma agenda institucional que teriam com Cunha. O candidato, no entanto, assegurou ao Valor que o temor do PT e do Palácio do Planalto não procede: "Se depender de mim, arquivo sumário".

E depende. O regimento da Câmara prevê que seu presidente pode arquivar sumariamente eventuais pedidos de impeachment protocolados na Casa. Já aconteceu em mais de um governo, desde a redemocratização. E tem mais: se as investigações em curso mostrarem que a presidente da República teve alguma responsabilidade nos casos de corrupção revelados, ainda assim Cunha tem argumentos para enviar um pedido de impeachment para o arquivo:

"Arquivo sumário diante de qualquer quadro", disse o pemedebista. "A menos que seja uma coisa..." Ele para, pensa e completa: "Tenho uma filosofia: tudo que aconteceu com relação às denúncias que existem hoje aconteceu no mandato passado, encerrou no dia 31 de dezembro. Não vejo como responsabilizar, do ponto de vista político, em nenhuma circunstância, a presidente da República".

Nos costumes, pode-se esperar um presidente da Câmara ultraconservador como foi o candidato a deputado federal Eduardo Cunha nas últimas eleições. Quando ele fala que terá respeito às minorias, refere-se à proteção que pretende dar às bancadas de oposição contra o rolo compressor governista, sempre que este for acionado. Nem de longe está pensando em liberalização em relação a temas como aborto ou descriminalização da maconha. São projetos que não pretende colocar em votação. Ponto.

"Vão ter que me derrotar, tem o regimento, tem instrumentos para fazer isso", diz. Resumidamente: o deputado faz um requerimento de urgência, que deve ser assinado pela maioria dos líderes partidários para ser colocado em pauta. Ultrapassando essa barreira, o requerimento precisa ter no plenário uma votação da maioria absoluta para o projeto ser pautado. Ou seja, 257 deputados. Uma barreira intransponível, na atual relação de forças do Congresso.

"Descriminalização de drogas, legalização de união civil de pessoas do mesmo sexo, qualquer cogitação em termos de aborto são temas, em minha agenda, inteiramente fora de cogitação", diz. Tem outro, muito caro ao PT: a regulação de mídia. "Serei frontalmente contrário, vão ter que passar por cima do meu cadáver para poder votar um projeto de regulação de mídia".
Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link http://www.valor.com.br/cultura/3874110/o-pt-esta-perdido ou as ferramentas oferecidas na página.
Textos, fotos, artes e vídeos do Valor estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização do Valor (falecom@valor.com.br). Essas regras têm como objetivo proteger o investimento que o Valor faz na qualidade de seu jornalismo.

42 comentários

Despetralhando mod

Dá para acreditar em políticos?
Este crápula é tão venal quanto qualquer petralha, elle é um vendilhão, eu quero que a petralhada se phoda, só que vão trocar a mosca mas a kokô é o mesmo.

Reply

O que se fala, não se escreve!


Chris/SP

Reply


Chegamos abaixo do fundo do poço, o que não era se tornou possível, descer mais ainda.

Como um parlamentar fala publicamente que vai arquivar um pedido de impeachment mesmo que tiver provas legais que justifiquem o impedimento.
Tudo pelo poder, descaradamente assumido!!! vergonha!!

O que fará esse meliante se houver milhões nas ruas pressionando?
A Câmara vai ficar de joelhos pra esse vagabundo? estou de saco cheio com toda essa corja!

Reply

bem, se esse pateta mandado vai arquivar sumariamente, que vá para o ostracismo. a oposição tem que apoiar o outro candidato e derrubar o candidato petista !

Reply
fred oliveira mod

Então, é o que tenho postado em diversos blogs: não haverá impeachment pelo simples fato da base aliada dominar o congresso venal. Como um candidato a presidente do congresso pode, antecipadamente dizer que arquivará um pedido de impedimento? isso é violar a constituição pois ele está prejulgando. Se o impeachment foi defensável e desejável, ainda assim ele vai arquivar? Cunha pisou feio na bola. Ele e nenhum outro pode dizer que arquivará qualquer pedido de impeachment. Isso é contra a lei e os cidadão brasileiros querem saber se existem leis ou não no país. O impeachment, embora não seja habitual, é instrumento legal para responsabilizar o governante culpado. Ele não pode se adiantar ÁS investigações e dizer que arquivará qualquer pedido. O que tem a dizer as oposições?

Reply

Vamos ver se o povo ocupar as ruas se Cunha tem colhão para mandar para arquivo sumário. Vai se borrar todo, assim como todos os meliantes que ocupam o Congresso Nacional.

Reply

Tá querendo é mais $$$ pra base allugada.

Reply

Ouvi , claro que não acreditei, uma pessoa dizer que suas afirmações eleitoreiras seriam sinceras a ponto de fazer vaca tossir, pela sua veracidade.
E esse cidadão aí vai prometer o quê, em contraponto às suas promessas ?

Reply

Palhaço, o povo vai ter que demolir essa porcaria de congresso para esses pulhas tomarem vergonha na cara? Isso quase aconteceu em 2013...

Reply

Não podemos nos esquecer que os políticos ainda agem sob o jugo da força popular. Se acontecer com a Dilma o que aconteceu com o Collor, não existe político em Brasília, que consiga arquivar um pedido de impeachment.

Reply

Esse Eduardo Cunha não passa de mais um vigarista, aliás, já é sumamente conhecido no meio da pilantragem brasileira. Foi discípulo do PC Farias, poderia dar alguma coisa boa?

Reply

Esse Eduardo Cunha não passa de mais um vigarista, aliás, já é sumamente conhecido no meio da pilantragem brasileira. Foi discípulo do PC Farias, poderia dar alguma coisa boa?

Reply

Não adianta ter esperanças, esse B..... aí é farinha do mesmo saco e portanto podre.

Reply

Entrei na página no facebbok do deputa do e perguntei sobre essa entrevista. Outra pessoa me respondeu que ele não pode, por lei fazer nada pois na época não era o presidente.Isso é verdade? Alguém sabe como funciona isso no Congresso?

Reply

Que fofo, ajudando a ¨cumpanhera¨, merece um pirulito.

Reply

Safado, cara-de-pau.

Reply

Quem esse verme pensa que é???!

Se ele se opor poderá ter o mesmo fim que Mussolini e a amante.

Nada nem ninguém detém um povo irado e clamando por JUSTIÇA!

Reply

É conversa mole, ambos se detestam. Vai deixar passar sim.

Reply

Coronel, deixa eu te contar um relato q ouvi esses dias em uma reunião de trabalho minha, a qual estavam prefeitos de várias cidades daqui de uma importante região no interior de SP [oeste]!
.
Segundo um prefeito do PSDB/SP q conheço, e de uma fonte dele do PMDB/BA, assim q o Cunha for eleito presidente de Câmara, sairão da gaveta dele provas cabais do envolvimento da “nossa” Maria AntoniAnta no PeTrolão, o que lhe implicará no inevitável IMPEACHMENT!
.
Segundo essa fonte, ela “não emplaca” 2016! Por isso o PT tem tanto PAVOR do Cunha ganhar a eleição para a Câmara – e vai fazer de TUDO para sabotá-lo!

Reply

Ele não precisa prometer nada. A população sai às ruas em apoio à presidenta caso ousem contrariar a vontade das urnas. Dilma não é um Color frágil eleito pela mídia, Dilma foi eleita contra a vontade da mídia e por isso seu apoio popular é forte.

Reply

O cara é bom .
Uma vez defenestrados a dupla Dilma-Temer ele assume a presidência.
Será um bom presidente !

PT. Sds.,

Reply

Duvido, duvido muito... quando a rua ferver e mal der para político entrar em um aeroporto sem ser apedrejado quero ver essa macheja de boca cheia de dente. É "meió" calar a boca e ficar observando... bobão. Farquardi

Reply

Cunha pode fazer como a Dilma: prometer e não cumprir.

Dilma vez uma porrada de promessas na campanha e já descumpriu todas.

Quero ver Eduardo Cunha afirmar isso do lado do Bonner no JN.

Depois de eleito, Cunha vai aprovar o Impeachmente NA MARRA, ou o povo mostra para ele quem pode mais. OS TEMPOS MUDARAM SR.CUNHA!

Chega de bandidos na política traindo a vontade do povo.

Reply

Gente maldita dos infernos! Quem é esse pústula pra se colocar contra o povo decente do país e a favor desse enxame de gafanhotos do erário que são os petralhas?

Reply

"Ué"Já lí por aí que Cunha,(dito por ele) se for eleito, a CPI da Petrobrás seria aberta e Dilmão tinha o maior temor dele na presidência da câmara, já que os dois não se cheiram. Mas, o político brasileiro a gente já sabe como é. A senadora Kátia Abreu que tanto foi lembrada para compor a chapa de Aécio - como vice - hoje tá lá como ministra da guerrilheira. E vamo que vamo.

Reply

Alguns no PMDB estão louquinhos para um Impeachment... até setores dentro do PT.

Michel Temer está louco para colocar a faixa, e o PMDB joga xadrez para ser situacoa e oposicao ao mesmo tempo. Foi assim durante as eleicoes (ganha-ganha para p/ PMDB) e será assim se houver a brecha causada pelo pretrolao e pelo racha dentro do PT.

Reply

Os líderes do PT pagarão muito caro, se preparem petistas pois a vida de vocês mudará radicalmente.
Não haverá espaço no país para os líderes petistas e seus familiares.

Reply

Continuando: ele só fala que vai engavetar o Impeachment por jogo político. Na hora do vamos ver, se a situação estiver boa para a virada de mesa, ele vai fazer e o PMDB vai tomar o país. Infelizmente é o que vai acontecer. De qualquer jeito é melhor que deixar o PT no poder.

Reply

CEL,


Fechem esse Congresso, parece mais um bordel onde se faz qualquer tipo de negócio.

Índio Tonto/SP

Reply

Quem é o comentarista cérebro de bosta do comentário: 23 de janeiro de 2015 16:10 ?

Falar merda assim só se for petralha amedrontado, querendo plantar sandices para ver se cola.

Reply

Esperar o quê de politico do PMDB!!??!!
PMDB + PT são iguaizinhos, irmãos siameses.

Reply

Bom.. o que tenho lido nos jornais é que Eduardo cunha tambem estaria envolvido até o pescoço nos escadanlos da Petrobras. inclusive com uma fita farjuta tentando confundir as investigaçoes da PF. dai ele teria que se preparar para sua propia defesa, depois acusar os outros.

Reply
fred oliveira mod

Uma pessoa postou aí que o povo sairia às ruas para defender Dilma. Tá é delirando. Ela nem ganhou as eleições e mesmo fraudando, foi por pouco e hoje, com custo de vida subindo e o povo verificando que ela mentiu na campanha, vai ser fácil saírem nas ruas para defende-la. Além do mais, a maioria que vai sair às ruas será para pedir o impedimento desse desastre chamado governo do pt. E haja desemprego, amigo.

Reply

Coronel,
o que digo hoje, amanhã será bem diferente. Isto depende das circunstâncias, ainda mais sendo político.

Reply

O PMDB não vai aprovar o impedimento de Dilma antes de 2016, porque senão será necessário outra eleição. Entretanto, um impedimento em 2017 deixaria Michel Temer com a "faca e o queijo".

Particularmente, creio que essa de ser contra o impedimento deve ser só propaganda para não perder votos da base alugada e de possíveis ultra-esquerdistas.

Reply

revezamento pt/pmdb???????????????????pior do que tah pode ficar......

Reply

pt e pmdb são irmãos com os mesmos interesses, o Collor por muito menos do isto caiu, espero que a mídia possa divulgar a lista dos políticos que estão envolvidos no escândalo, o povo não merece o que está acontecendo, pois somos nós que pagamos a conta por tudo isto, às consequencias disto é aumento de impostos, péssimo atendimento de saúde para o povo que vota e votou neles, pois estes senhores tem excelentes planos de saúde pago com nossos impostos.

Reply

Esses Marginais da política, são todos iguais!!

Reply

é verdade que o cargo vai ser muito valorizado, mas pra gente resolver é mais fácil ainda, é só pegar o carro dele e virar, com ele dentro, cabô ele sai da frente do rolo compressor e grita: dilma, se vira, o inferno te aguarda.

Reply

Acreditem, o PT está se borrando desse cara pegar a presidência da câmara. Até parece que ele ia falar abertamente que na primeira oportunidade abriria o impeachemnt
. Acontece que já o caluniaram no petrolão arrumando fita montada que foi prontamente negado pelo yussef. Isso certamente o infureceu mais ainda. O Brasil vai se definir na eleição para presidência da câmara e por incrível que pareça, o PMDB fará melhor papel de oposição do que os tucanos, que tão apoiando um qualquer ai do PSB só para posarem do contra. Se esse cara perder pro chinaglia, acabou o Brasil. .. e o PMDB sabe que acabou pra ele tb.

Reply

O povo tem que ir pra rua e fazer o que fizeram na cidade de Coari no AM.Quando queimaram as duas casas do prefeito e jogaram o carro dele no rio Solimões, a mesma coisa tem que fazer com esse congresso de mer... que só tem ladrões.

Reply

O povo brasileiro após ir as ruas... se houver arquivamento sum. Da parte do presidente Câmara Cunha. O povo tem que ir pra cima desse safado que é bem pago pra acobertar toda essa sujeira do PT. CUNHA terá que se tornar uma vergonha Nacional também.

Reply