Citado na Lava Jato por fazer lobby para a OAS, Jacques Wagner defende Lula que foi favorecido pela mesma OAS.


O ministro da Casa Civil, Jaques Wagner, saiu em defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e disse que há uma certa "obsessão" para tentar parecer que as investigações no âmbito da Operação Lava Jato, que investiga esquema de corrupção na Petrobras, chegue ao ex-presidente.

"Ele é uma figura evidentemente que tem uma liderança bastante sólida no país, é uma referência, um nome superconhecido, oito anos presidente da república. Então, virou objeto de desejo", disse, após participar de evento pelo Dia Internacional em memória às vítimas do holocausto, na sede do conselho federal da OAB, em Brasília.

"Eu acho que há uma certa obsessão que acaba se difundindo como se toda operação tivesse o objetivo, e a gente tem testemunhos de pessoas, inquéritos, depoimentos que sempre se busca a tentativa de contaminar o presidente Lula", completou. Esquece Wagner que ele mesmo está sendo investigado pela Lava Jato por favorecer a mesma OAS do apartamento de Lula.

A Polícia Federal incluiu o triplex 164-A, que seria da família do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no Edifício Solaris, no Guarujá, litoral de São Paulo, no rol de imóveis com "alto grau de suspeita quanto à sua real titularidade" sob investigação na Operação Triplo X - 22ª fase da Lava Jato - deflagrada nesta quarta-feira.

O ministro destacou que o ex-presidente já disse que o não ser proprietário do apartamento. "Ele já disse que não é dele o apartamento, que ele pretendeu e depois desistiu de comprar", afirmou. "Eu acho só que as pessoas têm que aguardar um pouquinho as investigações ates de colocar os carimbos. Porque depois que coloca o carimbo fica mais difícil. Isso vale pra todo mundo, pro pessoal que é do meu lado, pra oposição", completou Wagner, que também teve seu nome citado em troca de mensagens com o Léo Pinheiro, presidente da OAS, que está preso.

O ministro afirmou que Lula deveria ter um tratamento "mais respeitoso". "Ele é uma liderança importante. Deu uma contribuição, independente da convicção de cada um, que considero inestimável à sociedade brasileira e ao Brasil."

Wagner destacou que seu ponto é vista "continua o mesmo" e que toda investigação que aponta um desvio de dinheiro público, atos de corrupção, "é bem-vinda". "Eu só digo e repito que o Brasil não vive disso. Isso é bem-vindo, mas nós precisamos cuidar da geração de riqueza, de emprego e renda", afirmou. (Estadão)

14 comentários

Sim, ele está preocupado com a geração de riqueza pra ele e os seus... Digamos, pares, amiguinhos, cumplices.

Reply
Despetralhando mod

Ela não deve, ela tem que chegar neste crápula que se diz o mais honesto dos seres humanos, só que tu és capaz de largar um filho na latrina para salvar tua carcaça, velhaco a máscara já caiu e só carolina não viu.
Tua ficha é tão suja que pau de galinheiro (poleiro) e mesa de sala, acho que marcola mesmo sendo o crápula que é, ainda é menos danoso que tu e
tua corja de bandidos.
Tu roubasse e deixasse roubar.
Tu iludisses os mais necessitados.
tu comprasses as consciência de que em ti acreditou.
Tu vives uma vida de rico e no entanto diz despreza-los.
Tu vives de conchavo com os poderosos e sais falando deles.
Tu és escória, tu és amoral.

Reply

Acho Wagner que seu parti nestes últimos treze anos só tem feito isso, cuidado da geração de riqueza...pessoal e do pt. Esse é cínico e se parece com cínico!

Reply

É um perneta amparando um coxo.De técnico de manutenção a ministro o caminho é longo,mas na terra de pindorama não.Basta ser amigo do rei ou ter seu rabo preso:te dou um cargo importante e tu me dá o teu silencio.Estes são os termos da nomeação dos ministros PTralhas.

Reply



Todos os petistas se defendem, claro!
Todo bandido tem seu pacto de silencio na cumplicidade.
Com o jackes não seria diferente. O que temos que fazer, é tirar esses porras na marra, se necessário for...!!!.

Reply

Dele eu só gostaria de uma explicação convicente sobre como conseguiu R 6,5 milhões para comprar um ao de luxo na área mais nobre de Salvador-Ba

Reply

Esse Wagner ,conhecido como "o Compositor" nas mensagens dos envolvidos na Lava Jato,é um bebum notório em Salvador.Com curso secundário e passagem por sindicatos hoje é a voz de Lula junto a doida da Dilma.Tinha um apto ,onde morava de 150.000,00 na periferia de Salvador,vendeu o mesmo por $$$$$750.000,00 a um assessor laranja e hoje tem um duplex com vista para a Baía de todos os Santos, luxuoso valendo milhões, com direito a praia particular,pier e teleférico.Trata-se de outro fenômeno.....

Reply

Wagner tenta disfarçar mas não consegue sua preocupação com a mansão do corredor da vitória, pessoas mais chegadas ao ex-governador baiano dizem que o mesmo tem pesadelos todas as noites, que o juiz Sergio Moro não sai de sua frente, até acordado ele esbarra com o caçador de trambiqueiros petistas.

Toda essa preocupação é o medo que as investigações sobre as empreiteiras se desmembrem para outros estados e peguem as estripulias da OAS com imóveis pagos para seus afilhados tal qual o triplex do Guarujá.

Reply

Obsessão,perseguição, esta quadrilha sempre se fazendo d vítima quadrilha asquerosa

Reply

vale à pena ler!


UM ENGENHEIRO E UM PORTEIRO NO MEIO DO CAMINHO DA HISTÓRIA DA CAROCHINHA DE LULA

Bem, a reportagem de ontem do Jornal Nacional, que trouxe o conteúdo do depoimento do engenheiro Armando Dagre ao Ministério Público de São Paulo, parece ter coroado o que, a esta altura, já está claro, não? Dagre foi o responsável pela reforma no apartamento 164 A, no Condomínio Solaris, o tríplex que seria da família do ex-presidente Lula.

Segue...

http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/um-engenheiro-e-um-porteiro-no-meio-do-caminho-da-historia-da-carochinha-de-lula/




Chris/SP

Reply

HISTÓRIA DA BANCOOP TEM RÉUS ACUSADOS DE DESVIAR GRANA PARA O PT E TRÊS CADÁVERES

Vamos refrescar um pouco a memória dos leitores. No dia 8 de junho de 2008, o Estadão trazia a reportagem abaixo, sobre a morte de Luís Eduardo Malheiro, ex-presidente do Bancoop. Leiam.
===========================================================================

A morte de Luís Eduardo Saeger Malheiro, ex-presidente da Bancoop (Cooperativa Habitacional dos Bancários de São Paulo), vai ser investigada pelo Ministério Público de São Paulo. A versão oficial é que Malheiro foi vítima de um acidente de carro, em 12 de novembro de 2004, no município de Petrolina (PE). Mas, segundo seu irmão, Hélio Malheiro, ele havia sido alertado para reforçar sua segurança pessoal.
O alerta, afirmou Hélio, ocorreu no início de fevereiro de 2002. Duas semanas antes, no dia 18 de janeiro daquele ano, Celso Daniel (PT), prefeito de Santo André, fora sequestrado e fuzilado em um atalho de terra em Itapecerica da Serra, na Grande São Paulo...

http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/historia-da-bancoop-tem-reus-acusados-de-desviar-grana-para-o-pt-e-tres-cadaveres/




Reply

DE NOVO MINISTRO DE DILMA NOS HOLOFOTES, DELATOR DIRÁ QUE QUERIAM GRANA P CAMPANHA DA DILMA, SE O EMPREITEIRO NAO DOASSE IRIA PERDER CONTRATO, OU SEJA- TRABALHO, CADE O PSOL E PT QUE NAO PEDEM O AFASTAMENTO IMEDIATO DE EDINHO SILVA QUE ERA ENTAO TESOUREIRO DA CAMPANHA DA DILMA E HOJE É MINISTRO, HUM.... A MATERIA ESTA NA ISTO É, É SÓ IR LA NO SITE DA ISTO É, E LER

Reply

ESTE JAQUES WAGNER DESTRUIU OE STADO DA BAHIA,FOI PESSIMO GOVERNADOR, E PASSOU DE SIMPLES SINDICALISTA A MILIOANAIO EM POUCO TEMPO, COMO SAIU EM REPORTAGEM, ATE TELEFERICO TEM EM SUA MANSAO NO MAR EM SALVADOR, HUM,..... É MAIS UM ZELITE, HIPOCRISIA PURA, VIVEM NO LUXO E CHAMAM OS OUTROS DE ZELITE

Reply

ESTE JAQUES WAGNER É DA MESMA LAIA,DA DILMETRALHA ELA ESTÁ E SEMPRE ESTEVE DA ESCORIA, E AINDA DIZ QUE NAO VIU NADA, KKKK, POUCA VERGONHA, NAO SE SALVA UM DA CORJA; ESTE CARA MANDOU A POLICIA A CAVALO PARA CIMA DOS PROFESSORES NA BAHIA QUANDO FOI GOVERNADOR, MAS A MIDIA COMPRADA NAO MOSTRA UM AI SOBRE ISTO

Reply