Brasil of the bitch rebaixado pela Fitch.

(Globo) A Fitch Ratings rebaixou nesta quinta-feira a nota de crédito soberana do Brasil de “BBB” para “BBB-”. Agora, o país está a apenas um degrau de perder a chancela de “grau de investimento”, espécie de selo de bom pagador. O país já é considerado “grau especulativo” pela Standard &Poor’s, uma das três grandes agências de risco. Segundo comunicado da Fith publicado hoje, o rebaixamento reflete o aumento do endividamento do governo, aumento dos desafios para consolidação fiscal e piora do cenário econômico.

A Fitch também manteve a perspectiva para a nota do país em estágio negativo, o que significa que poderá haver nova revisão em um prazo entre 12 e 24 meses, com chance de rebaixamento superior a 50%. - Essa chance está acima de 50%. Em geral, os analistas costumam fazer essas avaliações entre 12 e 18 meses - explicou.

Segundo Guedes, a questão política foi determinante para o corte da nota do Brasil. - Vimos uma perspectiva desafiadora com um cenário político muito exarcebado, que pode fazer com que nosso cenário base não seja atingido - afirmou. Entre os fatores econômicos, Guedes lembrou que o crescimento baixo, situação fiscal pior do que os países com a mesma nota e retomada do crescimento só em 2017 também contribuíram para a decisão.
 
O comunicado da agência aponta que o rebaixamento "reflete o aumento do endividamento do Brasil, os crescentes desafios para a consolidação fiscal e a piora do cenário de crescimento econômico. O complicado ambiente político está dificultando o progresso da agenda legislativa do governo e criando um círculo de efeito negativo sobre a economia”. 

Segundo o texto, "A perspectiva negativa reflete a avaliação da Fitch de que o baixo desempenho econômico e fiscal deve persistir, enquanto a incerteza política pode continuar pesando na confiança, postergar a mudança de trajetória do investimento e do crescimento e elevar os riscos no médio prazo para a consolidação fiscal necessária para a estabilização da dívida.” A Fitch esclarece, porém, que perspectivas negativas ou positivas não significam que uma mudança de rating é inevitável.

7 comentários

CARTA-ABERTA A LULA, DE UMA EX-COMISSÁRIA DA VARIG
15 Outubro 2015
http://tribunadainternet.com.br/carta-aberta-a-lula-de-uma-ex-comissaria-da-varig/

Reply


E ainda tem uma CAMBADA DE SEM VERGONHA que defendem essa bandida. Inclusive a CAMBADA DE BANDIDOS INCOMPETENTES DO STF, DESCARADOS, sem vergonha!

Reply

Ou seja, o Brasil vale agora o mesmo de um Jean Willis. Hahahahahah

Reply
Despetralhando mod

Caso os vagabundo e incompetentes petralhas, realmente pensasse em Banânia, poderiam TURBINAR as 'pedaladas de madamA satã para ARMAZENAR ENERGIA advindas das mesmas.
Mas o que melhor poerias ser aproveitados seriam as M3RD45 que ela fala e faz estes sim seriam de fácil armazenamento.
Para tanso é só bloquear as cavidades se sua cabeça.

Reply

Son of a bitch! Cara de pau. Terrorista de m#%%$%!

Reply

carta aberta a lulla nao resolve,ele nao le.e o q vem debaixo nao o atinge.quem colocou lulla nesse "pedestal" eh quem pode tira lo.lulla eh psicopata, pode cair o mundo q vai continuar na dele.

Reply

lula berrava cheio de odio que haviam pagado a divida externa, e tem gente q acreditou no teatro, hoje a divida interna está em mais de 3.600 trilhoes, a divida interna é pior que a externa= pt- perda total

Reply