sexta-feira, 5 de abril de 2013

Roberto Freire, dono do PPS, faz enquete para ver se apóia Deus, o Diabo ou ambos.

Aliados ao PSDB na última eleição presidencial, o PPS desta vez abriu uma consulta virtual para escolher quem vai apoiar na disputa de 2014.Na enquete, que será divulgada no site do partido, a legenda lista cinco nomes como opção: Aécio Neves (PSDB), Eduardo Campos (PSB), Fernando Gabeira (PV), José Serra (PSDB) e Marina Silva, que ainda tenta formalizar a sua nova sigla, a Rede Sustentabilidade. A consulta ainda inclui uma opção de candidatura própria do PPS, mas sem indicar um nome.
 
Segundo o presidente nacional do partido, deputado Roberto Freire (SP), a sondagem visa estimular o debate dentro do partido sobre os rumos que a legenda deve tomar na próxima eleição presidencial. "Queremos sentir como o partido, o militante e os simpatizantes do PPS estão analisando as várias possibilidades de candidaturas do cenário oposicionista para 2014. O objetivo do partido é criar uma alternativa que possa derrotar o bloco governista que aí está", afirma Freire. (Estadão)

10 comentários:

Anônimo disse...

É desanimador! Está tudo vermelho. Estamos totalmente perdidos! Resta-nos dividir o Brasil comunistas de um lado e democratas do outro.

Anônimo disse...

Direito dele, e este negócio de esquerda direita já ficou pra lá de arcaico.

Anônimo disse...

Isso é que eu chamo de fim de carreira. Deprimente. Mendicância político-partidária. Rumo à decadência total.

Bateu uma vergonha alheia... e tristeza alheia.

Porque quando não se tem coragem de ser oposição ou combater ou denunciar as mazelas do País então não se tem o que fazer. Dá nisso: partido morimbundo.

O petismo vai bater o último prego do caixão.

Anônimo disse...

concordo com o colega da 14:32...

logo teremos que fazer que nem as Coreias...

Anônimo disse...

Assuma a presidencia Aécio

Vejam o video...

http://www.youtube.com/watch?v=vObs5LgTUaw




Carlos de Savoia direto do interior de SP

fonseca disse...


Arcaico oh 15:13h? Só para lembrar, o último presidente francês era de direita e o atual de esquerda.No entanto eles não se consideram arcaicos e defendem suas convicções políticas tendo seus partidos os mesmos propósitos e governam como tal.Quem não toma posição não pode tomar partido.!!!.fonseca.

Celso Nonato disse...

Tem todo direito de fazer o lhe dá na telha, só não tem e nunca terá é competência para definir candidato. HORA DA MUDANÇA, PAVIMENTAR 2014.

Anônimo disse...

Veja como esse pessoal zomba de nós. isto é a maior piada que já vi.

Dilma: País tem 'democracia que respeita diversidade'
A presidente Dilma Rousseff disse nesta sexta-feira, em Salvador, que o Brasil vive "uma democracia que respeita...



Anônimo disse...

são todos partidos de esquerda, no Brasil é assim, só dá vagabundos intelectuais miserávweis mendingando aliados para o enterro dos brasileiros. ´hipócritas vagabundos.

Anônimo disse...

Coronel,

PETRALHA:
5 de abril de 2013 15:13


Flor Lilás