Lula mentiu ao STF: disse que soube da compra de sítio 3 dias depois de sua mudança ter ido para lá



Na primeira explicação oficial que deu ao Supremo Tribunal Federal sobre o sítio frequentado por ele e sua família em Atibaia, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sustenta que ele é de propriedade de dois sócios de seu filho Fabio Luis e diz que só soube da compra do sítio em 13 de janeiro de 2011, depois de deixar a Presidência.

Reportagem da “Folha de S.Paulo” mostra que Lula disse, ainda, que seu amigo José Carlos Bumlai ofereceu a reforma do sítio, o que a defesa do pecuarista, preso na Lava-Jato, negou ao jornal.
“Os advogados dizem, porém, que Lula só tomou conhecimento da compra do imóvel em 13 de janeiro de 2011, quando já havia deixado a Presidência da República, e que foi ao local pela primeira vez dois dias depois”, diz o texto da “Folha”.

Lula certamente terá de esclarecer a data que informou ao STF, em uma petição de seus advogados.
Isso porque reportagem do jornal “O Estado de S.Paulo” publicada em 6 de janeiro de 2011, uma semana antes, portanto, da data que o presidente informou à mais alta corte do país ter sabido da compra do sítio, já dizia que a mudança de Lula de Brasília seria levada para seu sítio em Atibaia.

O link da reportagem está aqui, para se os advogados do ex-presidente e os ministros do STF quiserem cotejar as datas.


Para não deixar dúvidas, reportagem de VEJA deste ano mostrou que a mudança — inclusive 37 caixas de bebida — seguiu, de fato, para o sítio.

Mais: a mudança — paga pela Presidência — foi entregue dia 8 de janeiro, 3 dias antes de a defesa de Lula dizer ao STF que ele tomou conhecimento da compra da propriedade.

“A entrega da mudança se deu em 8 de janeiro de 2011 – dois meses após o sítio ter sido comprado em nome dos sócios de Fábio Luiz, o Lulinha. Quem recebeu o carregamento, e assinou os papéis, foi Rogério Aurélio, ex-assessor especial de Lula no Planalto. Acompanha os registros da mudança um inventário da carga. Foram mais de 200 caixas – 37 delas de bebidas, conforme registraram, cuidadosamente, os funcionários incumbidos do serviço. O carregamento incluía ainda, além da carroça, plantas da ex-primeira-dama Marisa Letícia, aparelhos de ginástica e quadros”, diz a reportagem de Rodrigo Rangel. (Radar On-line)

13 comentários

SIFU.. :D
-----
No Radar on Line:

Lula diz ao STF ter sabido da compra de sítio 3 dias depois de sua mudança ter ido para lá

Na primeira explicação oficial que deu ao Supremo Tribunal Federal sobre o sítio frequentado por ele e sua família em Atibaia, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sustenta que ele é de propriedade de dois sócios de seu filho Fabio Luis e diz que só soube da compra do sítio em 13 de janeiro de 2011, depois de deixar a Presidência.
Reportagem da “Folha de S.Paulo” mostra que Lula disse, ainda, que seu amigo José Carlos Bumlai ofereceu a reforma do sítio, o que a defesa do pecuarista, preso na Lava-Jato, negou ao jornal.
“Os advogados dizem, porém, que Lula só tomou conhecimento da compra do imóvel em 13 de janeiro de 2011, quando já havia deixado a Presidência da República, e que foi ao local pela primeira vez dois dias depois”, diz o texto da “Folha”.
Lula certamente terá de esclarecer a data que informou ao STF, em uma petição de seus advogados.
Isso porque reportagem do jornal “O Estado de S.Paulo” publicada em 6 de janeiro de 2011, uma semana antes, portanto, da data que o presidente informou à mais alta corte do país ter sabido da compra do sítio, já dizia que a mudança de Lula de Brasília seria levada para seu sítio em Atibaia.
O link da reportagem está aqui, para se os advogados do ex-presidente e os ministros do STF quiserem cotejar as datas.
Para não deixar dúvidas, reportagem de VEJA deste ano mostrou que a mudança — inclusive 37 caixas de bebida — seguiu, de fato, para o sítio.
Mais: a mudança — paga pela Presidência — foi entregue dia 8 de janeiro, 3 dias antes de a defesa de Lula dizer ao STF que ele tomou conhecimento da compra da propriedade.
A nota fiscal da mudança com o endereço do sítio
A nota fiscal da mudança com o endereço do sítio
“A entrega da mudança se deu em 8 de janeiro de 2011 – dois meses após o sítio ter sido comprado em nome dos sócios de Fábio Luiz, o Lulinha. Quem recebeu o carregamento, e assinou os papéis, foi Rogério Aurélio, ex-assessor especial de Lula no Planalto. Acompanha os registros da mudança um inventário da carga. Foram mais de 200 caixas – 37 delas de bebidas, conforme registraram, cuidadosamente, os funcionários incumbidos do serviço. O carregamento incluía ainda, além da carroça, plantas da ex-primeira-dama Marisa Letícia, aparelhos de ginástica e quadros”, diz a reportagem de Rodrigo Rangel.

Link: http://veja.abril.com.br/blog/radar-on-line/?p=1141231?utm_source=redesabril_veja&utm_medium=twitter&utm_campaign=redesabril_veja&utm_content=feed&

Reply

Mentira tem perna curta. Ta todo mundo de saco cheio desse bêbado.

Reply

Como diz aquele personagem da Praça é Nossa: ¨Vai que cola!¨.¨ Tóeiiimmm!!!

Reply

Esse sempre mentiu!
É o maior mentiroso deste país!

Reply

Esse irresponsável vai pagar pela língua. Tem de ter cuidado para não morder a língua presa, pois pode morrer envenenado.

Reply

mas ontem , na festa da quadrilha do PT, veio com outra estorinha sobre o sítio: "amigos compraram para fazer-lhe uma surpresa ......

Reply

A gente te compreende, Lula, v nunca sabe de nada, tá sempre à margem dos fatos, ninguém te conta nada, nóis crê nocê!
DESBANQUE A LAVA-JATO, PROCESSE SEUS ACUSADORES, ENCENADOR E ATOR DE NOVELAS LULA, TÁ HA HORA E PROVE O ABAIXO:
“Se tem uma coisa que eu me orgulho, neste País, é que não tem uma viva alma mais honesta do que eu. Nem dentro da Polícia Federal, nem dentro do Ministério Público, nem dentro da igreja católica, nem dentro da igreja evangélica. Pode ter igual, mas eu duvido”, e ainda se defende: "Com orgulho, fui um dos conferencistas mais bem pagos do mundo pois fui o presidente que mais tirou pessoas da probreza"!
É fato; com o PT, as favelas do Brasil acabaram; foi um só abracadabra e fim; os petistas são mágicos!
Não é verdade que Lula não sabia de nada, Terta?

Reply

Ora, Coronel, Lula mentir é o normal! Esse meliante nunca falou uma verdade sequer!!! Quantas versões o safado já deu para a história do sítio? Uma 5 versões diferentes. A última é de que o sítio foi um presente de Jacó Bittar, o que não resiste a uma hora de investigação séria da PF!!! A prisão de Lula é urgente!! Ou vão deixar o vagabundo vir com uma versão diferente a cada dia?!! Tenha dó, MPF!!! Peçam logo a prisão desse crápula!!!

Reply

CORONEL, esse tal de Triplex e o Sitio de Atibaia são um pingo de aguá no mar perto do que este desqualificado e energúmeno tem de bens pelo País afora, e tudo conseguido através do trabalho honesto que só é visto nos quadros deste partido maldito dos PTralhas, e esse chefe de quadrilha e a terrorista deitando, rolando, saqueando e aniquilando com o Brasil, e tudo graças a um certo Povo experto que tem uma Educação e Cultura que dispensa comentários, e Politicamente então é uma tragédia só visto nos Países mais atrasados do Mundo, chega pra hoje, já está dando ânsia de vomito.

Abs...

Reply

Não entendo por que tanta blindagem.. Cade as algemas deste safado

Reply

Em outro país com habitantes com faca nos dentes, e não esse "povo alegre e festeiro", esse sujeito já estaria atrás das grades por crime de lesa-pátria!

Reply
Despetralhando mod

O cumpadre advogado selou o acordo da compra do bittar e suassuna em seu escritório provavelmente com um contrato de gaveta e essa mentira do apedeuta é fácil de desmentir, pois a assinatura da compra foi em 10 de outubro de 2015, logo o vagabundo estava sabendo há bem mais tempo do que diz.

Reply

Lula mentir? Não acredito, não acredito, não acredito.

Reply