AIME no TSE tem mais chances de derrubar Dilma e Temer do que impeachment na Câmara.


Antes mesmo do início das deliberações sobre o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff no Congresso, o governo já vislumbra que outra tempestade será enfrentada a partir de março, com a ação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pela impugnação do mandato presidencial por suposto abuso de poder político e econômico nas eleições de 2014.

A preocupação com este tema, para alguns interlocutores do Palácio do Planalto, seria até maior que com o impeachment, por se tratar de um julgamento com mais fundamentos técnicos na Corte e, portanto, menos passível de influência política, como é o caso das deliberações no Congresso.

Se, por um lado, o governo acredita que a mobilização pró-impeachment não decolou e não deve ganhar fôlego suficiente, por outro, uma decisão do TSE pode proporcionar uma derrota quase irreversível para Dilma. Isso porque, ainda que caiba recurso ao Supremo Tribunal Federal, a imagem da presidente ficaria indelevelmente marcada pela condenação por crimes eleitorais.

Vence em fevereiro o prazo para a presidente e seu vice apresentarem defesas às acusações que o PSDB fez contra ambos na ação. Em dezembro, a relatora do processo, ministra Maria Thereza de Assis Moura, mandou notificar os advogados de Dilma, de Temer, do PT, do PMDB e da coligação vitoriosa nas urnas em 2014.

Com o recesso, em vez de ter apenas sete dias para aprontar a manifestação, os advogados de Dilma e Temer ganharam um mês e meio. A defesa precisará contestar as acusações, juntar documentos, indicar a lista de testemunhas e requerer a produção de provas, inclusive documentais. Depois disso, haverá depoimento de testemunhas da defesa e da acusação — no caso, o PSDB.

O processo é uma Ação de Impugnação de Mandato Eletivo (Aime) e deve tramitar em segredo de Justiça, como determina a Constituição. O julgamento, porém, será público. Se os prazos da lei forem levados a cabo pelo tribunal, o destino de Dilma estará selado no fim de fevereiro.

A oposição já deu demonstrações de que pretende centrar seus esforços na ação junto ao TSE. Isso porque, para os líderes oposicionistas, o movimento pelo impeachment não atingiu, até o momento, a temperatura necessária para levar o processo a cabo no Congresso. 

Por falta de mobilização popular e pela falta de credibilidade do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), em comandar o processo, há uma avaliação de que dificilmente vai prosperar o afastamento da presidente Dilma pelos parlamentares.

De olho em nova eleição que possa levar o PSDB ao poder, a oposição acredita que a impugnação de toda a chapa é uma solução melhor do que se aliar ao PMDB. (Informações de O Globo)

10 comentários

Coronel,

Para o PT, se a Dillma for cassada no TSE, será o "melhor" cenário.

Ainda terá "discurso" para o futuro, caso o próprio PT não seja cassado.

Em resumo:

- A esquerda Tupiniquim ficaria livre do "carimbo" do Collor.

JulioK

Reply

Tomara que o TSE tire a faixa de Dilma!

Ela não pode seguir sendo presidente do Brasil!
A meta dela é falir com o país de uma vez!

FORA DILMA, INCOMPETENTE !!!!


Chris/SP

Reply

PF descobre que Cubanos usam diploma falso, "Nunca se formaram em medicina" diz PF

A Polícia Federal descobriu grande quantidade de diplomas falsos entre médicos cubanos do “Mais Médicos”, programa eleitoreiro do PT na tentativa de eleger o Alexandre Padilha a governador de SP. Alexandre Padilha é aquele que comprou viagra superfaturado no MS com o dinheiro do SUS.

Esses falsos médicos descobertos não cursaram medicina alguma! Existem “médicos” inscritos no programa que nunca sequer ………


http://folhabrasiloficial.blogspot.com.br/2015/12/pf-descobre-que-cubanos-usam-diploma.html

Reply

TSE é o cavalo que esta correndo por fora - melhor opção para tirar a Dilma. Melhor para o país e para ela mesma.

Na Câmara, com esta intervenção do STF na definição do rito = Constituição rasgada, fica condicionada ao jogo político e portanto demora mais. Sendo mais dramático para o Brasil.

Se a Dilma realmente se importasse como o Brasil, ela ja teria renunciado - ela esta provocando o agravamento da situação política e econômica. O país acima de tudo, inclusive do ego desta "venha senhora" [sic] corrupção.

Reply
Despetralhando mod

O que o TSE deveria fazer é jocar os partidos do petrolão na vala e jogar a famosa pá de cal.
É muita sujeira para essa corja vagabunda.

Reply

Se a Câmara dos Deputados estiver esperando manifestação popular para votar o impeachment da Dilma com essa mídia que temos aqui,pode tirar o cavalinho da chuva. Mesmo que vão para as ruas duzentos milhões de manifestantes,a mídia criminosa vai dizer que são cinquenta mil. Tudo o que sabemos de realidade vem pelas Redes Sociais.Esperamos que quando o desgoverno mudar para um Governo Democrático como na Argentina, aí,sim esses jornalistas de esquerda vão ficar sem emprego.Portanto,esquerdistas,guardem o dinheiro que vocês estão recebendo,na Suíça,mas,por favor declarem !

Reply

Especialistas desmentem governo, apontam inflação de 15,25% e PIB de -3 em 2016.

E essas projeções são as mais otimistas possíveis, feitas por sujeitos moderados, alguns próximos do governo. Imagina então como será na realidade?
Sabem o que significa isso na prática? Que o que já está ruim, será pior. Tudo ficará mais caro: alimentação, aluguel, remédios, combustíveis, conta de luz, água, fone, vestuários, dívidas em bancos, todo o custo de vida encarecerá além da conta enfim. Somado à isso, a quebradeira geral, o desemprego brutal e a desvalorização da moeda que conduzem o país a um abismo quase irrerversível.

Só desgraças!
Desgoverno fará povo pagar R$ 15,5 bilhões na conta de luz e inventa 'devolução de mentira'
Dívida pública passa de R$ 3,8 trilhões. Ou seja, ferraram o Brasil por várias gerações

Reply

Mais do que "abuso de poder político e econômico nas eleições de 2014.", é preciso evidenciar, divulgar, gritar e acusar que foi usado dinheiro ROUBADO da ptbras. Isso é crime e ponto pacífico.


DBF

Reply
Despetralhando mod

O cara é serviçal do pt logos não dá para confiar nas palavras e gestos.

Reply

Eu não acredito no judiciário brasileiro, acho que são todos bolivarianos a serviço do PT.

Reply