Orçamento deficitário da Dilma é fora da lei.

(Folha) Líderes da oposição criticaram nesta segunda (31) o envio do projeto do Orçamento de 2016 com previsão de deficit. Integrantes do PSDB e do DEM avaliaram que o governo jogou no colo do Congresso a responsabilidade de encontrar uma fonte de receita que suporte o rombo nas contas. Para eles, a peça desrespeita a Lei de Responsabilidade Fiscal.

O presidente do PSDB, Aécio Neves, disse que a ação terá "consequências preocupantes" e pode resultar no rebaixamento da nota de crédito do Brasil. "A presidente quer dividir com o Congresso Nacional uma responsabilidade que seria exclusivamente dela: fazer os cortes, fazer os ajustes e equilibrar as contas", afirmou.

Presidente do DEM, o senador Agripino Maia (RN) avaliou que, ao assumir o deficit, o governo se mostra refém da dívida interna e das elevadas taxas de juros."O governo é prisioneiro de dois monstros que ele próprio criou: dívida interna chegando em R$ 3 trilhões e taxa de juros passando dos 14%." Na avaliação do democrata, a peça explicita crime contra a Lei de Responsabilidade Fiscal.

O líder do partido na Câmara, Mendonça Filho (PE), classificou a situação como a "consagração de um desastre econômico". "É uma irresponsabilidade praticada com fins eleitorais e que hoje produz uma situação grave do ponto de vista do desequilíbrio nas contas públicas." Para o deputado do DEM, o cenário faz com que cresçam as chances de redução da nota de classificação de risco do Brasil.

DEVOLUÇÃO
O presidente do PPS, deputado Roberto Freire (SP), defendeu que o Congresso devolva a peça orçamentária. "Arrisco a dizer que o Congresso Nacional deveria devolver [o projeto] com deficit para que o próprio Executivo exerça aquilo que é sua responsabilidade: fazer os cortes e ajustes que se impõem."

Para Freire, a peça enviada "causa preocupação aos parlamentares e brasileiros em geral" e demonstra "a irresponsabilidade da presidente de não observar a exigência da Lei de Responsabilidade Fiscal, que trata da obrigatoriedade de envio de um orçamento equilibrado".

8 comentários

Com tantos motivos agora mais esse para tirar essa Zinha do cargo que ela usurpou cometendo contravenções na campanha.

Reply



FORA DILMA VÂNIA ESTELA TERRORISTA GUERRILHEIRA ROUSSEF!

OS BRASILEIROS NÃO QUEREM BANDIDOS BOLIVARIANOS INTROMETIDOS NESTA NAÇÃO BRASILEIRA.

Reply

Sou um banqueiro feliz, adoto juros exorbitantes e tenho lucros gigantescos e apoio a Dilma e o governo corrupto do PT. Os brasileiros que se lasquem! Banco PTú e Dilma,isso muda o mundo!

Reply

Cel
Na hora de gastar, irresponsávelmente, a Anta gasta sozinha. Na hora do prejuizo ela quer dividir com o Congresso e o povo. Se vira nos 30, ó, Anta.
Esther

Reply

Este documento que a sem vergonha mandou para o congresso é motivo para interdição de mandato, um ato de improbidade administrativa!

Gabriel-DF

Reply

Vai tomar um Prozac de 500 mg que lhe fará bem!! sua cobra!!

Reply
Despetralhando mod

Quem vai colocar dinheiro num país que:? em seu orçamento o rombo já está indicado é dali para cima, (LRF) é página rasgada 'LETRA MORTA'.
Os gráficos da economia bananeira vai ter só a linha vertical. - É roubo, rombo, corrupção....

Reply

E daí, fora da lei? E as lais aqui na banânia são pare ser respeitadas ?

Reply