Em 2013, governo do PT tinha R$ 1 bilhão em caixa para evitar o caos nos presídios. Liberou apenas 4%.

http://www.folhamaranhao.com.br/media/cache/47/d3/47d39a4fe7abfd7cafb4c0e72bb5fef4.jpg
O governo federal acumulou e mantém em caixa R$ 1,065 bilhão que, por lei, deveria ser empregado para construir e modernizar o sistema penitenciário nacional. Este é o saldo atual do Fundo Penitenciário Nacional (Funpen), constituído pelo repasse de parte dos recursos arrecadados pelas loterias da Caixa Econômica Federal. De acordo com dados do Departamento Penitenciário Nacional (Depen), este fundo incorpora R$ 300 milhões por ano, em média. Mas a maior parte de todo esse dinheiro não é investida nas prisões, como é previsto na Lei Complementar n.º 70: esta determina que ele deveria "financiar e apoiar as atividades e programas de aprimoramento" do sistema penitenciário. No ano passado, o Funpen foi autorizado a investir R$ 384,2 milhões na construção e na reforma de presídios em obras administradas pelos governos estaduais. Mas apenas R$ 40,7 milhões, 10,6% desse total, foram efetivamente aplicados. Leia mais no Estadão.

19 comentários

Não sei por que a resistência dos governos em construir mais presídios. Não é pela ausência de criminosos. Desde que me entendo por gente, o Brasil vive um dos períodos mais violentos da história.

Reply

Coronel,

A falta de bons presídios é o PRINCIPAL problema da insegurança no Brasil.

O segundo, a meu ver, é a corrupção da Polícia (inclusive da Penitenciária).


JulioK

Reply

Mas,quem garante que os recursos estavam realmente disponiveis ? A Dilma promete tantos bilhoes, todos os dias, que parece mesmo que o dinheiro exista. Na minha humilde opiniao, e so enganacao, jogando pra plateia. Me engana que eu gosto.

Reply

ALÔ FUNCIONARIOS PUBLICOS, VCS VÃO PERDER O QUE GUARADRAM.....Mais de 70 fundos de pensão de empresas estatais e de prefeituras de todo o país correm o risco de perder a maior parte dos R$ 2,7 bilhões que investiram na compra de papéis lastreados por empréstimos originados no Banco BVA, em processo de liquidação desde agosto.

O investimento dessas entidades nesse tipo de papel é o dobro do que era conhecido até agora, segundo levantamentos feitos depois que a instituição passou à tutela do Banco Central e aos quais a Folha teve acesso.

Entre os bancos pequenos e médios, o BVA foi um dos que mais atraiu os fundos de pensão. As entidades o ajudaram a ter um crescimento relâmpago. Em seis anos, seus ativos aumentaram 17 vezes: de R$ 430 milhões, em junho de 2006, para R$ 8 bilhões, em junho de 2012.

Editoria de Arte/Folhapress

Para captar os recursos dos fundos de pensão, o banco vendia títulos lastreados nos empréstimos que concedia, conhecidos no mercado como direitos creditórios.

Funcionava assim: o banco financiava empresas e depois transformava a operação num título, que era vendido a investidores.

Quase metade desses papéis, R$ 1,3 bilhão, foi vendida diretamente aos fundos de pensão. Os maiores compradores foram a Petros (dos funcionários da Petrobras), o Postalis (Correios) e a Refer (Rede Ferroviária Federal).

O outro R$ 1,4 bilhão foi negociado com fundos de investimento ligados ao BVA e que tinham os fundos de pensão como cotistas.

Nesse grupo estavam não só as entidades ligadas às estatais, mas também os institutos de previdência de 59 municípios e dos governos estaduais de Tocantins e Roraima.

Nessa ciranda, aparecem cidades do porte de Campinas (SP), Manaus (AM) e Joinville (SC), e entidades de pequenos municípios como Serra (ES), Palhoça (SC) e Bom Jesus dos Perdões (SP).

PERDAS

Nas avaliações de técnicos que destrincharam as operações do BVA, uma parte significativa dos empréstimos que lastrearam os papéis vendidos no mercado foi concedida a empresas com pouca condição de honrar os pagamentos.

Várias não tinham crédito com os grandes bancos. Por isso, aceitavam pagar juros mais elevados no BVA.

Nesse tipo de investimento, quando o devedor não paga, a conta estoura na mão de quem comprou o título. Para se prevenir, os investidores costumam exigir que o banco honre o compromisso, uma "trava de segurança" conhecida como coobrigação.

Nas operações do BVA, só 15% tinham esse tipo de garantia, segundo especialistas que avaliaram o banco.

"Estamos enfrentando um grande prejuízo, apesar de todas as regras que criamos após a quebra do banco Pan-Americano [2010] para proteger esses fundos", diz Leonardo Rolim, secretário de Políticas de Previdência Social do Ministério da Previdência.

No fim de 2013, o BC obrigou os fundos de investimento a lançar em balanço as perdas decorrentes dos atrasos de pagamento desses títulos. Rolim, da Previdência, espera que os fundos de investimento em que prefeituras e Estados aplicaram consigam recuperar pelo menos parte das aplicações.

Mas as chances não parecem grandes. No ano passado, o liquidante do BVA, Valder Carvalho, fez um leilão para tentar vender trinta operações de crédito do banco.

Seria um teste para avaliar as chances de recuperação da carteira. Como os interessados pediram descontos que passaram de 70%, o liquidante desistiu. Procurado, Carvalho não quis se pronunciar.

Profissionais que tiveram acesso aos empréstimos da instituição calculam que mais da metade da carteira esteja na categoria de "difícil recebimento".

Reply

Coronel,
acredito que os recursos disponíveis nunca existiram como já foi abordado por um dos comentaristas. É o governo da promessa e da mentira. Sim, do roubo de da incompetência também.

Reply


Assistam :

FSP, criação de lulla e castro para acabar com a democracia !

http://www.youtube.com/watch?v=ETh--WnX2W8

Reply

São os roubos de sempre que os petralhas praticam e escondem debaixo do tapete!
Aliás afanar dinheiro público, maquiar números, estatísticas e mentir sobre os desastres na economia é praxe de bolivariano corrupto.
Segundo Yone Sanches são essas também as práticas em Cuba:
"Cuba inicia os preparativos e algumas medidas que apresentará na próxima Cúpula CELAC(CELAC é um acrônimo para Comunidade da América Latina e do Caribe) no Chile, para esconder toda a sujeira do pais cubano, sob o tapete da casa.

Reply

Fora do assunto e dentro!
Trata-se de mais uma bandidagem que está sendo esquecida pela imprensa e até por nós que não fazemos mais comentários sobre o "MAIS MÉDICOS" cubanos.
Acabei de ler no blog do Aluízio Amorim uma matéria sobre este programa e também o blog dos peritos do INSS sobre a atuação desses pseudo médicos. Vejam em:
www.perito.med.br

Reply

Conversa fiada o tempo todo. Mas o povo gosta!

Reply
Despetralhando mod

Já achei que era só incompetência dessa corja, mas olhando com um pouco mais de atenção nos meandros desta “incompetência” notamos que eles são, é sem vergonha mesmo.

Reply

Sai mais barato esvaziar as cadeias com os indultos de Natal e a permissão para sair nos Dias das Mães, quando a maioria nunca volta.

Reply

OFF

Esta marchinha será um sucesso no Carnaval !

A GOVERNANTA É UMA ANTA
Autor Luiz Trevisan (Blog Tambosi)

A governanta é uma anta
A faxineira só faz asneira
A diarista se confundiu
É a incompetência
Comandando o meu Brasil

Não entende de história
Não entende de nada
Não sabe nem falar português
Só finge que manda
Ninguém obedece
E fica tudo pro outro mês

A governanta é uma anta
A faxineira só faz asneira
A diarista se confundiu
É a incompetência
Comandando o meu Brasil

Não pára em casa
Adora um estrada
É um tipo que viaja a beça
Só vive em palanque
E solenidade
No fim só inaugura promessa

A governanta é uma anta
A faxineira só faz asneira
A diarista se confundiu
É a incompetência
Comandando o meu Brasil

Se quiserem ouvir, cliquem no link, abaixo:

http://soundcloud.com/luiz_trevisani/a-governanta-e-uma-anta


Chris/SP

Reply

Coronel,

vale a pena ler:
http://www.alertatotal.net/2014/01/general-tem-artigo-censurado-por.html

Flor Lilás

Reply

Coronel,

nova edição do Verdade Sufocada do Coronel Ustra, atualizada!
Vale a pena!

http://www.averdadesufocada.com

1 - averdadesufocada @ terra.com.br ou telefone (61) 3468-6576
2 - LivrariaBrasil.Net
3 - Permanencia.org.br
4 - Livraria Cultura (Brasília, SP, Porto Alegre, Salvador, RJ e Recife)

Flor Lilás

Reply

Cel, coturneiros, que lindo
texto!


http://www.midiasemmascara.org/artigos/cultura/14863-gostaria-de-dizer.html





Reply

Regina ‏@ReginaBrasilia 11 de jan
Mas não se acostume. Até dou muitas dicas por aqui mas raramente tão claras como essa. E pra entender sutileza, precisa inteligência.
Expandir


http://www.youtube.com/watch?v=sdAaW9hkFnE

Eu Amo Você!

Reply

Coronel, estas doações não precisam ser declaradas? A origem do dinheiro não precisa ser comprovada ? Não tem imposto de renda em cima disto não?

Dirceu, Delúbio e João Paulo vão pedir doações pela internet para pagar multas
Cumprindo sentença de prisão pelos crimes do mensalão, petistas também foram condenados a pagar multas, e tentam seguir exemplo de Genoino, que conseguiu R$ 667 mil através da web
Valério, Hollerbach e Cristiano Paz declararam que não pagarão multas do mensalão

Reply

Coronel,

cadê o Sr? Tudo bem por aí?
Estou estranhando sua ausência durante o dia todo!
Não avisou de viagem…
Cuide-se bem!

Abraço fraterno!
Flor Lilás

Reply

Rolezinho das Prisões.

O governo permite que aos presso dominem o sistema em troca da queda da criminalidade aqui fora. Esse equilíbrio é bem instável.

Reply