Lula abençoou falcatrua do banco Schahin com o PT.


Segundo Salim Schahin (foto), José Carlos Bumlai, preso na 21ª fase da Lava Jato, e ex-tesoureiro do PT disseram que ex-presidente estava a par de empréstimo de R$ 12 milhões tomado por pecuarista em 2004 cujo beneficiário seria o partido; empresário confirmou em delação que valor nunca foi quitado e que contrato da Petrobrás compensou dívida.

O empresário Salim Schahin, um dos donos do Grupo Schahin, afirmou em sua delação premiada que o pecuarista José Carlos Bumlai levou o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares em reunião na sede da empresa durante as tratativas para empréstimo de R$ 12 milhões, concedido em 2004, que teria como destino final os cofres do PT. Todo negócio estaria “abençoado” pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva – que nega.

Leia matéria completa com documentos no Estadão clicando aqui.

4 comentários

O que falta para prender o sapo barbudo?

Reply
Despetralhando mod

O velhaco X-9dedos já dá pista que os lulekinhos vão ter que se virar sozinhos, pois ele os abandonará pelo caminho caso as circunstâncias assim o exijam.

Reply

Esse Schahim entrega até a mãe! Te prepara, Lula, Chefe do Petróleo!!!

Reply

quero so ve,esse cara é arabe se confia...

Reply