Não tem nada de errado com a pesquisa Sensus. Tanto que ela mostra a mesma tendência dos demais institutos.

Este blog já teve sérias desavenças com o instituto de pesquisas Sensus, pelos seus erros constantes nas eleições de 2010. Errou muito e por muito. Usou a mesma amostra de municípios em pesquisas diferentes. Sempre apresentou o número de brancos e nulos muito acima dos outros institutos. O próprio PSDB apontou uma série de inconsistências em pesquisa realizada na última eleição presidencial. Leia aqui.

No entanto, as críticas do blogueiro do Estadão, José Roberto de Toledo, publicadas hoje estão longe de ter força para desqualificar o levantamento que mostra Aécio crescendo e Dilma caindo, aliás, como todas as pesquisas estão demonstrando. Parece mais uma tentativa de desqualificar o instituto a priori, o que é péssimo em jornalismo.

Toledo diz que o Sensus trabalha para os tucanos, que saiu a campo logo depois do programa do Aécio, que colocou o nome do tucano antes da Dilma, que, enfim, não agiu dentro das “melhores práticas” das pesquisas eleitorais. Não existe nada de errado em usar a ordem alfabética que, aliás, é praxe nos maiores institutos do mundo, como o Gallup e o Ipsos. Para quem acompanha pesquisas e tem memória, em junho de 2002  a Sensus foi  questionada pelo PSDB nacional quanto à lista em ordem alfabética dos candidatos. O TSE deu ganho de causa para o instituto, derrotando a petição dos tucanos.

Quando ao fato do Sensus também fazer pesquisa para o PSDB, assim como para vários outros partidos, Toledo teria a obrigação de registrar que Ibope e Vox Populi têm gordos contratos com o Palácio do Planalto. Isento, o moço não faz a mínima menção ao fato.

O jornalista também não questionou o Datafolha quando, em outubro de 2013, iniciou pesquisa um dia após o programa de Eduardo Campos ter entrado no ar. E também não está questionando o mesmo instituto sair para nova pesquisa no dia seguinte ao do pronunciamento de Dilma Rousseff no Dia do Trabalhador.

Quanto à pesquisa ter sido registrada depois do campo ter sido feito é o mesmo que fez a Vox Populi, recentemente, sem que o blogueiro emitisse qualquer crítica. Aliás, este instituto, vinculado à Carta Capital e ao governo federal, fez este levantamento antes que os comerciais de Aécio entrassem no ar e só a divulgou depois, para dar a impressão de que  as inserções não tinham surtido efeito sobre o eleitorado. O resultado da pesquisa apontou, segundo o Estadão, “estabilidade nos números dos três candidatos”.

Toledo também critica que o questionário tem perguntas conjunturais precedendo intenção de voto e avaliações de popularidade. Ora, o Ibope, que trabalha em parceria com o Estadão, utiliza a mesma estratégia. O blogueiro, se tão especialista em pesquisas eleitorais, em vez de críticas gratuitas e superficiais, poderia explicar aos seus leitores as diferenças entre as metodologias dos institutos, entre as quais:

1) A amostra da Sensus é por setores censitários do IBGE, com variáveis amostrais para urbano/rural, sexo, idade, escolaridade e renda. Os candidatos são apresentados com seus respectivos partidos, como ocorre nas eleições.

2) O Ibope também utiliza amostra por setores censitários do IBGE, com variáveis amostrais para sexo, idade, escolaridade e ramo de atividade, mas sem ir ao rural que representa 14% do eleitorado. Questionário com os candidatos sem os partidos, diferente das eleições.

3) Já o Datafolha utiliza fluxo de pessoas nas ruas, com variáveis amostrais somente para sexo e idade. Não vai ao rural, que representa 14% do eleitorado. A escolaridade é coletada em campo, sem ser previamente uma variável amostral. Na última pesquisa do Datafolha, por exemplo, a escolaridade fundamental de 16 anos que é de 54% no IBGE, apareceu neste instituto com apenas 38%, com significativo desvio amostral. Além disso, o seu questionário não apresenta os partidos dos candidatos, diferente do que ocorre na hora da votação.

O Sensus, como dissemos anteriormente, não é o estado da arte em pesquisas eleitorais. Mas nesta pesquisa apenas confirma o que todos os outros institutos vêm mostrando. Um crescimento consistente de Aécio Neves, uma estabilização de Eduardo Campos e uma queda de Dilma Rousseff. Mais do que metodologias de pesquisa, o que parece estar incomodando o blogueiro do Estadão são os resultados. Aí o caso deixa de ser metodológico e passa a ser ideológico.

29 comentários

Este safado e aquele outro sem vergonha Fernando Rodrigues são petistas,estes dois vagabundos não valem o arroz com feijão que comem.

Reply

Os petralhas estão reclamando que a sensus "mudou de lado".

Então porque eles não contratam uma Vox Populi dando Dilma com 88%, Aécio com 3% e Campos com 1%? Gente chata. Dinheiro eles tem.

De qualquer forma, semana que vem tem Datafolha. E as coisas ficarão mais claras. Eu mesmo, confesso, que fiquei surpreso com os índices da Sensus, achei bons demais, nesse momento da disputa.

Reply

ESSE TOLEDO E O SITE DO ESTADÃO SÃO APARELHOS DP PT DESDE SEMPRE.
A OPINIÃO DESSE CARA NÃO VALE NADA.

Reply

De fato esses institutos não são confiáveis e nenhum deles vai tentar desagradar o governo mas, se Dilma aparece em queda é porque a situação está bem pior. Tem pressionar esses isntitutos para mostrar a realidade ou, na primeiro sinal de melhora da avalaição do governo, vão amplificar 10 vezes mais. Não é hora de ficar dando moleza para esses institutos.

Reply

Eles fazem a coleta bem maior que o divulgado, mas fazem a inclusão na pesquisa conforme o resultado que querem oferecer.

Por exemplo, podem ter entrevistado 3000 mil pessoas, mas incluiram somente as 1000 conforme a resposta que deram.

Os números são bem piores que o Sensus mostra. Dilma deve ter uma ligeira melhora logo após a Copa, que reforçará o brasileirismo, depois cairá irremediavelmente.


Lanterna.

Reply

Baixar dilma e subir Aécio pode ser estratégia para mais na frente inverter e parar o candidato. Todo cuidado do mundo é preciso nessa hora.
Arranjos estaduais é o mais necessário nesse momento. Pesquisa, agora, está em segundo plano.

Reply
Antonio Carlos Soró mod

A Melhor pesquisa que podemos fazer é o dia a dia, e o que vejo aqui na Bahia não é nada alvissareiro para o PT. #PTNUNCAMAIS

Reply

Pelo que se vê nas ruas e nas redes sociais,essas pesquisas não refletem a realidade.É muito difícil encontrar alguém que defenda Dilma,mesmo entre aqueles mais ortodoxos,fica claro que não querem mais saber da governanta e nem do PT.

Túlio Xavier

Reply

Tem que fazer uma média de todas as pesquisas para ter uma ideia. Nenhuma delas é confiável. Como estamos numa democracia, a petralhada tem direito de espernear quando a pesquisa não lhes é favorável. Afinal, petralhas foram feitos para isso mesmo.

Reply

Vixi... a bichinha tá tomando vaia de tudo quanto é lado!

Reply

Privatizar pra quadrilha do PT pode =>@JornalOGlobo Dilma classifica como inadmissível privatização da Petrobras.


NÃO COLA MAIS .NINGUEM DO PSDB VAI ENTRAR MAIS NESTE DEBATE.JÁ DEU !

o ULTIMO QUE CAIU NESTA BABOSEIRA FOI O gERALDO ALCKIMIN...O AÉCIO VAI PASSAR O TRATOR SE O PT CONTINUAR INSISTINDO EM LEVAR ESTE ASSUNTO PARA O DEBATE POLITICO ELEITORAL.

Reply

Pesquisas e pesquisas e, no final, tudo como d'antes no quartel de abrantes.

Reply

Pois é.... Quando se trata de determinados temas levando em conta a ideologia,normalmente se verifica um desvio de padrão, ou melhor, as análises dos fatos acabam sendo distorcidas.A ideologia de esquerca é mais perversa para um ´País do que a da direita. Vejam os estados de calaminade a que chegaram Cuba, Venezuela,Argentina e outras meia duzia de republiquetas da América Latina. Um desastre total. Ainda bem que no Brasil, ao que tudo indica, ela está chegando ao começo do fim.Portanto, a eleição de Aécio Neves representa mais do que "colocar o Brasil nos eixos".É a sobrevivência da Democracia no Brasil.Esquerdismo não combina com Democracia. Os fatos estão ai para confirmar(vide Venezuela e outros mais da mesma linhagem).

Reply

Caro Coronel. Muitos jornalistas, apresentadores, colunistas etc, de política na imprensa, demoraram e estão demorando a entender, que nestes último doze anos apareceriam blogueiros e comentaristas jornalistas ou não, com estupendo discernimento e clareza melhor quer a deles.V Sa é um caso. Abs.

Reply

Boa Noite Coronel. Como você sabe, eu estou em campanha pelo Aécio Neves, não porque o PSDB seja meu partido. Porem é o melhor quadro político do Brasil, com larga margem, embora também seja de esquerda, o que é uma lástima. Espero que algum dia tenhamos um partido de direita, que possa acolher as pessoas que têm como valores, a preservação da família, a moral cristã, o respeito a todos os seres humanos seja de que raça, cor ou credo político, que trabalhe em prol de uma educação de nível elevado disponível a qualquer cidadão de qualquer estrato social, onde a palavra honestidade seja o lema, e a palavra desonestidade seja um estigma que provoque a reflexão. Tirando estas divagações, li um comentário no Reacionária que merece nossa reflexão. Não é muito bom a meu ver, que o Aécio por um exercício de bom mocismo ou avaliação enganosa, levante muito a bola do Campos e da Marina Silva. Eles também são o inimigo, e suas origens trazem o DNA do pt e do Lula. Portanto mesmo considerando que qualquer coisa é melhor do que pt, o Aécio tem que tomar cuidado para não ser enredado lá na frente. O link é este: http://reaconaria.org/colunas/penso-estranho/pt-fora-do-segundo-turno-e-a-vitoria-definitiva-do-pt/ Estou fazendo este comentário por acreditar exatamente no que está exposto e esperar que o Aécio ganhe sem abrir muitas concessões aos valores que defendemos e que não são representados nem por Campos, Marina ou pt. Saudações a todos.

Reply
Galináceo mod

Tem muito jornalista que vai ficar sem a verba extra...

Reply

A propósito de meu comentário anterior, tenho notado uma aversão generalizada ao pt, ao Lula e à Dilma. Entretanto também tenho notado que muitas pessoas olham com simpatia para a ilusão que representa esta união Campos /Marina. Portanto mais do que fazer o proselitismo do Aécio como alternativa mais interessante no momento; a meu ver a única; estou gastando muito mais tempo para mostrar a armadilha que esta dupla Campos/Dilma representa. Vocês podem imaginar, caso vençam a eleição, a hipótese de algo acontecer com o Campos e a Marina assumir a presidência? Penso que seria muito pior do que a administração Lula/Dilma, pois adicionado aos descalabros do pt, que seriam reassumidos com força, ainda teríamos a loucura da fada da floresta norteando a administração do país. Ela é mais articulada mentalmente do que a Dilma, embora seja mais insana. O risco é muito grande, e penso que o Aécio não pode flertar abertamente com o perigo, por uma questão eleitoral. A não ser que esteja sendo sincero, situação que significaria que está tudo à beira do abismo. Notem bem, temos cinco candidatos competindo nesta eleição: Dilma/Lula X Campos/Marina X Aécio. Todo cuidado é pouco, e o que interessa mais do que fazer articulações espúrias, é deixar bem claro que o aspecto moral não estará em negociação. Caso contrário estaremos perdendo tempo. Continuo incondicionalmente com o Aécio, mas estou preocupado com algumas de suas declarações.

Reply

a historia da copa,devidamente esclarecida, vai empurrar o pt p o fundo do poço.podem ateh exemplificar com a fala de lula dizendo que mesmo faltando tudo o Brasil tem q fazer o "circo"!!!!!!segundo ele eh "encontro de civilizaçoes"!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!???????????????????

Reply

Coronel,

Complementando, pois recordar é viver:

- O Santana trabalhou para o Maduro que necessitou de um "golpe" do STF venezuelano para ser empossado.

O Santana morreu junto com o PT!!

JulioK

Reply

Isso mesmo, Aécio está crescendo, crescendo muito e daqui a pouco estará na frente, vai ganhar a eleição no primeiro turno deixando a Dilma pra trás.

Continuem pensando assim, será mais fácil pra nós.

Reply

O que defato está errado no Brasil é a ignorância do povo, por falta de educação se conformam em viver na miséria, mas pagam altíssimos impostos em cada item que compra para sobreviver, impostos que não voltam em benefício para o povo, impostos que são roubados pelos governantes corruptos.
O mundo sabe disso e está de olho no Brasil.

ASSISTAM ESSE VIDEO QUE MOSTRA CRUAMENTE ESSA REALIDADE.

https://www.facebook.com/photo.php?v=838569322823808&set=vb.613557205325022&type=2&theater

Reply

Lanterna

Que disse no último parágrafo:
"Os números são bem piores que o Sensus mostra. Dilma deve ter uma ligeira melhora logo após a Copa, que reforçará o brasileirismo, depois cairá irremediavelmente."


Acho que vc está enganado. Dilma não terá melhora nenhuma por causa da Copa, ao contrário, cairá mais ainda. A população não está a favor da Copa e muito menos torcendo pelo Brasil.

Chris/SP

Reply

Caro Coronel, boa noite.
Não tenho lembrança de ter lido algum texto do senhor Toledo questionando qualquer instituto de pesquisas quando os números insistiam na empulhação de que Dilma seria reeleita no primeiro turno.
É profundamente lamentável ver jornalistas se rebaixando à vergonhosa condição de esbirros de governos e partidos políticos.

Reply

Videversus
quinta-feira, 1 de maio de 2014

DOLEIRA BRASILEIRA PRESA NA ESPANHA REVELA LIGAÇÃO DO DINHEIRO DESVIADO DA PETROBRAS E OUTROS ÓRGÃOS DO GOVERNO PETISTA NO FINANCIAMENTO DO TRÁFICO DE COCAÍNA DA MÁFIA ITALIANA NDRANGHETTA

Está presa na Espanha a doleira brasileira Maria de Fátima Stocker, gaúcha de 41 anos, nascida na município de Vicente Dutra, mas que tem os parentes morando no município de Parobé, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Maria de Fátima Stocker está presa na Penitenciária Madrid V - Soto Mayor, na Espanha, há cerca de 15 dias. Mária de Fátima Stocker foi presa pela Interpol, em uma operação na qual participaram representantes das polícias especiais da Espanha, Suiça, Inglaterra e Itália.
Quem encaminhou à Interpol o pedido para a sua prisão foi a Polícia Federal de Santos, no litoral paulista.
A investigação que acabou levando até o pedido de prisão dela, deferido pela Justiça Federal, foi iniciativa após um alerta da polícia italiana a respeito do tráfico de duas toneladas mensais de cocaína pura, originária do Peru e da Bolívia, promovido pela máfia italiana Ndranghetta.
Os traficantes peruanos e bolivianos ingressavam no porto de Santos à noite, arrombavam contêineres com destino a portos europeus e colocavam a carga de cocaína dentro deles. Depois avisavam seus comparsas da mafia Ndranghetta para invadir navio na Itália e resgatar a cocaína de dentro dos contêineres.
A Ndranghetta pagava para a doleira Maria de Fátima Stocker, que passava aviso ao doleiro Alberto Youssef, avisando que já estava com o dinheiro, e que ele podia passar o valor correspondente, no Brasil, aos traficantes donos da cocaína pura. Onde o doleiro Youssef levantava o dinheiro para financiar os pagamentos do tráfico de cocaína? Junto com seus relacionamentos no PT e no governo petista, nos desvios de recursos públicos, da Petrobras e de outros órgãos governamentais, como no Ministério da Saúde.
A operação de investigação internacional levou mais de dois anos. Nesse ínterim, foram barradas algumas das exportações mensais de duas toneladas de cocaína pelo porto de Santos. Então a máfia Ndrangheta tentou transferir suas operações de embarque da droga para o Amapá, onde mergulhares enviados da Itaília tratavam de afixar a carga ao casco de navios. Uma dessas cargas foi mal afixada e boiou, alertando a Polícia Federal. Os mergulhadores tiveram tempo para fugir.
Em Santos, o alerta da polícia italiana gerou a Operação Monte Pollino, que se conectou com a Operação Lava-Jato.
A doleira Maria de Fátima Stocker é uma mulher que saiu do Brasil e foi morar na Suiça. Lá, conheceu um executivo de banco suiço e passaram a viver juntos. Ela adotou os filhos do suiço e adquiriu a cidadania da Suiça. Ao se separarem, ela foi morar em Londres, onde também mora uma irmã sua, casada com iraniano.
As duas já eram monitoradas pelos serviços secretos norte-americanos, especialmente a NSA (National Security Agency). Foi a NSA que avisou os serviços policiais italianos, e estes avisaram a Polícia Federal brasileira.
A Polícia Federal, no Brasil, passou a investigar uma operação de tráfico de cocaína e bateu de frente com um gigantesco esquema de desvio de recursos públicos no governo petista de Dilma Rousseff e na maior estatal brasileira, a Petrobras, gerando recursos que serviam para financiar o tráfico internacional de cocaína.
Este cenário talvez ajude a compreender a grande irritabilidade que se apoderou do governo da petista Dilma Rousseff contra o governo americano e o presidente Obama, inclusive com o cancelamento de visita oficial à Casa Branca. Agora, as duas operações foram deflagradas praticamente ao mesmo tempo, uma no Brasil e outra nos países europeus.
Maria de Fátima Stocker deverá ser defendido na Justiça Federal brasileira pelo advogado Eduardo Jobim, de Santa Maria.
Postado por Vitor Vieira às 5/01/2014 10:54:00 PM Essa noticia é verdadeira?Se for porque o silencio dos bons?

Reply

Sempre gostei das analises do Toledo, as acompanho desde 2010. Concordo com as críticas do Coronel, mais não deixarei de lê-lo, até porque ele foi um dos poucos a cantarem a bola da queda da Dilma. Ele mostrou a tendencia de mudança na capital de São Paulo e acertou e o mesmo tem acontecido com relação a Dilma. Ninguém é perfeito, acho boas as análises dele. Não podem ser desprezadas e ele acertou com relação a queda da Dilma, leia no arquivo do blog ele já falou da tendencia de mudança em 2014. Abraços

Reply

AÉCIO NEVES CUNHA PRESIDENTE DO BRASIL NO PRIMEIRO TURNO, e repito:

NÃO TEREMOS SEGUNDO TURNO

GOVERNO COM MAIORIA CONGRESSUAL que levará a inflação aos trilhos e NOVA META DE INFLAÇÃO DE 2,5% com 1,5% de margem de erro tolerada pelo BC.

UMA PEC tem que ser aprovada pondo a meta de inflação o mais baixa possível e que se aproxime de 1% anuais em dez anos com cláusula pétrea. APENAS O SENADO PODERÁ PERMITIR DESVIO DA META POR ESTADO DE EMERGÊNCIA ECONÔMICA como uma seca severa que aumente preços de produtos agrícolas.
SE PREÇOS SOBEM POR CAUSA DO CLIMA E MOEDA NÃO É EMITIDA o PIB cai e compensa as altas, quando volta a oferta ao normal o preço voltaria AO NÍVEL DE ANTES recolocando a inflação na meta.
** 15% decenal seria o ideal para a inflação ( 15% acumulados em dez anos, anos com inflação mais altas e outros com alguma deflação ) dando no decênio índice de 15% sem margem de erro.

NÃO SENÇURE CORONEL, NÃO SOU UM PETRALHA NEM SONHADOR, BASTA FAZER O RÍGIDO CONTROLE DA MOEDA E DO ORÇAMENTO E NÃO HAVERÁ INFLAÇÃO E A SELIC PODERÁ SER BAIXA.

Reply

vaia,pega. pesquisa,pega. vamos em frente,Aecio presidente!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Reply

ler o blog do nassif eh duro,mas vamos lah.sobre a pesquisa,o que ele viu de errado,p mim estah certo: a cartela em ordem alfabetica eh muito melhor,fiquei com a cabeça "rodando" vendo a tabela circular!qto ao resto,soh eh mais uma pesquisa.sinceramente,Aecio estah surpreendendo favoravelmente,passa muita sinceridade,contrariando lula e dilma que mudam o discurso a cada dia e nem se lembram do que falaram no dia anterior.....

Reply

Cel, 1/3 do PT está na cadeia,outro 1/3 está foragido e 1/3 está ocupando cargo público e mamando nas tetas do desgoverno.É a quadrilha montada no país.

Reply