Roubalheira na Petrobras: depois de duas CPIs comandadas pelo PMDB e PT acabarem em pizza, o povo vai aceitar que os dois continuem abafando as investigações?

PMDB e PT blindaram Graça Foster e a diretoria da Petrobras durante meses nas duas CPIs. A estatal perdeu bilhões do seu valor e aumentou em bilhões a sua dívida.

Quem não lembra do relatório absurdo do deputado Marco Maia (PT-RS) na CPMI da Petrobras instalada pelo Congresso, aquele mesmo parlamentar que ofereceu jantar íntimo para Paulo Roberto Costa? Quem não lembra que na CPI da Petrobras no Senado, totalmente chapa-branca, o senador José Pimentel (PT-CE) enviou as perguntas com antecedência para a ex-presidente Graça Foster? Quem não lembra que o senador Vital do Rego ( PMDB-PB) foi premiado com uma vaga vitalícia no TCU depois de presidir a CPMI? Quem não lembra do modelo de perguntas e respostas utilizado, que não permitia que os depoentes fossem inquiridos, além das dúzias de requerimentos que foram rejeitados pela maioria para não comprometer o PT e o PMDB? Pois agora, na terceira CPI que será instalada nos próximos dias, após nove fases da Operação Lava Jato, o presidente da Câmara. Eduardo Cunha (PMDB-RJ) acena para a repetição da dobradinha PMDB-PT, um presidindo, outro relatando, tirando o povo brasileiro para bobo pela terceira vez! A matéria a seguir é de O Globo.

Depois vencer as eleições para a presidência da Câmara contra o candidato do PT, Arlindo Chinaglia (SP), deixar o partido fora do comando da reforma política e impor uma série de derrotas para o governo, o presidente Eduardo Cunha (PMDB-RJ) dá sinais de que pretende distensionar a relação com o PT. Nesta quarta-feira ele defendeu em sua conta no Twitter, de forma velada, o princípio da proporcionalidade para a indicação do relator da CPI da Petrobras.

O bloco formado pelo PMDB e mais 11 partidos, por ser o maior da Câmara, tem direito a indicar o presidente ou relator da comissão. Deve optar pela presidência. Porém, cabe ao presidente apontar quem será o relator. E vários parlamentares do grupo não estão dispostos a entregar ao PT a relatoria de uma CPI que tem tudo para pegar fogo.

“É bom deixar claro que não é o presidente quem decide quem fica com cada cargo em uma CPI”, escreveu Cunha. “Os partidos é que vão escolher, de acordo com sua proporcionalidade”, defendeu.
É justamente essa proporcionalidade que é questionada por integrantes do bloco do PMDB Regimentalmente, não há nenhuma obrigação nesse sentido. O secretário-geral da Câmara, Mozart Vianna, afirmou que, em comissões como essa, o que vale é o acordo político.

– Não há imposição regimental sobre isso. Se o PMDB, por fazer parte do maior bloco, quisesse, poderia até ficar com a presidência e a relatoria. O que vale é o acordo político – afirmou Mozart. “O PMDB faz parte do maior bloco, que terá sempre a primeira escolha”, disse Cunha. “Se o bloco do PMDB e outros desejar (sic) ele pode sempre escolher a relatoria, mas se preferir a presidência ele não será detentor de duas escolhas”, declarou. 

Alguns deputados veem na mudança de postura de Cunha um agrado para o PT. Mas acham exagerado porque avaliam que o PT não tem muito a oferecer em troca. – Uma demonstração de boa vontade dessas, neste momento, é exagerada. Ele quer passar a impressão de que quer dialogar – disse um deputado do grupo. 

Cunha disse que usou as redes sociais para explicar que não cabe a ele, mas ao líder do PMDB e aos partidos dos blocos partidários escolherem quem assumirá as vagas de presidente e relator da CPI da Petrobras. Nas redes sociais, Cunha estava sendo criticado por dar ao PT a relatoria da CPI. Ele afirmou que estava explicando como funcionam as coisas na Câmara, que ele não deu nada e que não cabe a ele fazer isso, mas ao líder do bloco. O presidente da Câmara disse ainda que, embora regimentalmente a escolha do relator caiba ao presidente da CPI, isso se dá dentro de um acordo entre partidos ou blocos.

Indagado sobre a decisão de dar ao DEM a presidência da comissão especial da Reforma Política e a relatoria ficar com o PMDB, Cunha disse que o PT não queria a criação da comissão e nem questionou a indicação. E que ele só atuou neste caso porque o PMDB não tinha ainda um líder e agora tem — Leonardo Picciani (RJ).

O presidente da Câmara ressaltou que a decisão não dependerá apenas do PMDB, mas dos partidos dos dois blocos majoritários e que, além dessa CPI, outras quatro devem ser instaladas, sem contar as comissões especiais que podem interessar aos deputados.

16 comentários

FORA PT!
FORA DILMA!

IMPEACHMENT JÁ!



Chris/SP

Reply

Em sendo confirmado que um representante doo PT será o relator, façam um favor à Nação Brasileira, encerem-na. Não percam tempo, pois já sabemos onde terminará. Ocupem-se com outras falcatruas, tais com, às do BNDES, BANCO DO BRASIL, CAIXA ECONÔMICA e outras....

Reply

Coronel desculpe o pessimismo, a maioria da população brasileira sequer sabe o que está ocorrendo na Petrobrás, alias me arrisco a dizer que um pequeno percentual de brasileiros não sabe nem o que é Petrobras, portanto o povo vai aceitar sim.

Por outro lado, uma outra grande parcela que não aceita, não tem nenhum tipo de organização para se manifestar de maneira efetiva, não participam de sindicatos, controlados pela esquerda, não participam de partidos políticos a maioria parte do bloco da esquerda e não participam de nenhuma igreja ou se participam elas apoiam a esquerda, notadamente a católica. Essas são as formas tradicionais de organização popular da qual a maioria dos brasileiros não participam e quando participam o fazem para apoiar a esquerda. Coronel isso aqui não é a Europa, a população aqui primeiro terá que aprender a ser patriota, cidadã depois terá que aprender a se organizar na defesa de seus direitos e na defesa de sua sociedade, isso irá durar algumas décadas, se é que isso é possível. O judiciário esta exercendo bem o seu papel com o juiz Moro, vamos ver até onde vai essa coisa, depois se terá que contar com a oposição no congresso, qual o preço dela? ainda podemos esperar o milagre do povo paralisar O país, afinal ainda não estamos em Cuba/Venezuela, podemos imaginar que a população ainda não será massacrada nas ruas, mas também teremos que admitir que a esquerda e seus padres mobilizarão a sua base e haverá confrontos na rua que evidentemente serão ganhos pela esquerda, restará ainda a intervenção militar, isso se os militares já não encamparam a ideia de fazer a guerra contra os EUA, ai sim teremos o último recurso, uma ocupação americana para evitar que o Brasil se torne o centro logístico internacional de apoio ao terrorismo.
No fundo essa é a única esperança efetiva, a guerra da Ucrânia e o estado islâmico estão ai para deixar claro ao ocidente que ou ele larga a luva de pelica ou vai para a vala com todas as suas ideias de igualdade e democracia.

Reply

Coronel,

Vital do Rego ( PMDB-PB)!! É ele que blindou o Duque!!!
Tem gravações da Polícia Federal a mando de nosso herói Moro!

Flor Lilás

Reply

Bom dia Coronel.
O nome do Congresso Nacional, deveria ser mudado para "Casa da Pizza", onde as estrelas seriam as pizzas de Mensalone e Petrolone.

Reply
Despetralhando mod

O povo tem que mostrar para essa corja de vagabundos, que já passou da hora estes vermes se tocarem, que estão lá para defender o povo.É muita mordomia e hipocrisia num antro só.

Reply

Já disse aqui, esse Eduardo Cunha é mais um pilantra a serviço do governo.Caso se confirme mais essa armação, entendo que a oposição deve abrir mão de participar desse circo. Isto desmoralizaria mais esse congresso vagabundo. O cretino lava as mãos, à moda Pilatos, mas, todos sabem que é ele que está por trás da indicações dos membros da CPI.

Reply

Ao Anônimo das 9:58

Você está enganado. Na última pesquisa Datafolha, 77% dos entrevistados declararam que Dilma tinha conhecimento da corrupção na Petrobras. Por isso, a queda na sua avaliação. Petrobras é de pleno conhecimento da grande maioria dos brasileiros.

Coronel

Reply

Tenho quase certeza que não vai abafar por que o Congresso Nacional não é mais
aquele muquiço que foi até o ano passado!

Reply

Por isso ganhou a presidência da Câmara. Traíra!

Reply

Prezado Coronel, eu adoro estar errado em minhas colocações, todas pessimistas, não acredito muito em pesquisas mas tudo bem é isso ai, 23% ou apoia a roubalheira ou não sabe, não faço questão de estar certo pelo contrário, eu apenas vivo o desespero nosso de cada dia.

Reply

O Antagonista traz um artigo sobre a Operação Mãos Limpas. Dar uma espiada não custa nada, garanto que vale a pena.

Reply

Concordo, cel. O povo esta' informado, sim, sobre o petrolao. Agora, tabem esta' muito bem informado sobre a inflaçao que ja' massacra o bolso do mais pobre. E isso traz mais desgaste para o governo petista.

Reply

Sabe,o Eduardo Cunha do PT??...pois é...Tenho nojo desses políticos de duas caras.Pior são os companheiros que votaram nele confiando...Aguentar todo dia a falsidade!!A barca do pt tá AFUNDANDO,a única coisa que conseguirão é retardar o naufrágio,e afundar junto é lógico!É questão de tempo!Vai dar trabalho limpar o Brasil,mas essa corja de políticos safados vai cair!

Reply

O povo??? hahahaha! o povo! KKKKKKK muito engraçado mesmo! hahahaha o povo! kkkkkkkkkkkk

Reply

Até o Reinaldo Azevedo escreveu em seu blog que o PSDB deveria ter apoiado e votado no Eduardo Cunha,contestei por não acreditar muito no jogo do PMDB,acho que tudo muda para nada mudar no congresso,não passa de jogo de cena.

Reply