Agora brasileiros podem ingressar na Universidade de Coimbra pelo ENEM. Privilégio deveria ser dos mais de 500 mil que tiraram zero na prova de redação.

O Brasil do PT é um país impressionante. Ao mesmo tempo em que quase 10% dos alunos formados no ensino médio obtiveram nota zero em redação no ENEM, o país financia, via Capes e CNPQ, alunos para estudarem na milenar Universidade de Coimbra, em Portugal. A seleção não deveria ser por nota. Deveriam ser privilegiados os mais de 500 mil pobres diabos que não conseguem dominar minimamente o idioma, porque a colônia tão rica, onde a extrema pobreza foi, segundo o discurso oficial, debelada, não tem capacidade nem mesmo de ensinar a língua pátria. A matéria a seguir é de O Globo. 

RIO - Com a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em mãos, estudantes brasileiros podem se candidatar até segunda-feira (19) a vagas na Universidade de Coimbra, em Portugal. O resultado será divulgado no dia 24 deste mês. Além do Enem 2014, a instuição aceita a candidatura daqueles que tenham feito as edições de 2012 e 2013.
 
A lista de cursos e mais informações sobre o processo seletivo estão disponíveis na página da instituição. Também na página estão os cálculos usados para as notas, que variam de acordo com o curso escolhido. Para o candidato ser aceito, a nota final não pode ser inferior a 600.
 
A Universidade de Coimbra é a instituição de ensino superior mais antiga de Portugal e uma das mais prestigiadas da Europa. Em 2013, foi incluída na lista do Patrimônio Mundial da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). Cerca de 23 mil estudantes estão matriculados na instituição. Desses, mais de 2 mil são brasileiros.
 
A partir de segunda-feira (19), os cerca de 6,2 milhões de estudantes que fizeram o Enem no ano passado poderão se candidatar a vagas no ensino público brasileiro pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu). O resultado do Sisu será divulgado no dia 26. De acordo com nota divulgada pela Universidade de Coimbra, foi feito um ajuste nas datas para que os estudantes tenham os dois resultados e, caso sejam aprovados, possam escolher ficar no Brasil ou cursar o ensino superior em Portugal.
 
A Universidade de Coimbra é paga, mas os estudantes podem buscar financiamento na Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e outros programas, além de apoio da própria instituição.

15 comentários

Despetralhando mod

A redesgovernANTA, deveria abrir uma secretaria com status de ministério para cuidar dos mais de 500 mil analfaburros que zeraram na redação; Seria uma forma de dar legitimidade aos futuros dr. da incompetência que assola Banânia e colocaria-os no mesmo saco dos políticos que não se elegeram e ganharam cargo no redesgoverno de madame 616.

Reply

Um governo que utiliza os meios de propaganda para anunciar que vai ensinar as 4 operações nas escolas publicas , como mostrado dias atrás nas redes de tv em todo país.

Reply

Coronel, o Sr. está se esquecendo de uma coisa muito importante: somos a Pátria Educadora". Brasil o país da piada pronta.

Reply

....é por essas e outras que os brasileiros sofrem preconceito na Universidade de Coimbra, são chamados de burros em razão da baixa escolaridade.

Reply

Nelson Motta, nesta entrevista resume tudo em poucas palavras. Quem tem de gastar palavras, proferir conferências infindáveis e escrever uma torrente de livros para defender o indefensável são os idiotas. E, neste caso, os idiotas são os comunistas.


http://aluizioamorim.blogspot.com.br/2015/01/um-libelo-contra-idiotia-comunista-e.html

Reply

Isso mesmo, vamos mandar essa jumentada estudar lá em Portugal ( e contaminá-los com burrice, terceiromundismo, coitadismo, etc ) como castigo pela merda de país que ficou o Brasil unicamente por ter tido o azar de ter sido descoberto por eles e não pelos ingleses, ou pelos holandeses, ou pelos franceses... (maior azar da história). KKKKKKKKKKKKKKKKKK!!

Reply

Ué... A PÁTRIA EDUCADORA agora se mudou para a terrinha, com recursos do Ministério da Educação do Brasil, que foi, de longe, O mais cortado em recursos no país de cá? Fo#%@da-se então, morra o ensino fundamental, cada vez mais inexistente?

Quando se pensa que não há mais com o que se espantar, vê-se que não é bem assim.

POR FAVOR, ALGO PRECISA SER FEITO.

Amigos conscientes: penso no caso extremo, já que o descrédito é grande: me filiar a algum partido, porque esperar por povo brasileiro se manifestar, é inútil. É triste, mas é um povo INÚTIL mesmo, que se movimenta (será?) por 0,50 centavos, mas bilhões roubados e gente assassinada diariamente nem fazem cócegas. Por enquanto, estão esperando o carnaval, depois semana santa e assim por diante.

Essa do corte no Ministério da Educação foi muito além do demais da conta. Querem mesmo nossas crianças virando pivetes aos montes nas ruas.

Mariana

Reply

a Universidade de Coimbra nao mais lah grande coisa...................

Reply

O enem mostrou que mais meio milhão de "lulas" receberam o diploma do segundo grau e são completamente analfabetos. Mais "quadros" para o partido quadrilha.

Reply

O PT vai CRESCER, os 500 mil
burros já estão automaticamente convidados a se filiarem no PT e com filiação aprovada antecipadamente.

Reply

Agora os petralhas estão dando cria, já nasceram 500 mil jumentos.

Reply

Quem frequenta a área de comentários dos blogs esportivos onde os jovens bombam, não estranharam a quantidade de alunos que tiraram zero em redação no ENEM. Super normal.

Reply

Ai está a geração PETRALHA, onde
a educação chegou a perfeição,
todos se espelhando na cultura
do LULA, aquele que se formou sem ter nunca ter ido a escola e se gabou da façanha por toda a vida,
ainda recebendo inúmeros titulos de doutor honoris causa de universidades que viram nele o
modelo de brasileiro para as futuras gerações.

Reply

Portugal não tem nenhuma universidade entre as melhores do mundo. A ciência e as grandes inovações são feitas em grandes universidades americanas, inglesas, alemãs e japonesas. Mais uma piada estúpida deste governo. Brasililililililili....

Reply

Os portugueses muito alegres com os burros-chó peritos em redação importados do Brasil declararam:
AGORA A VANTE DE MARCHA RÉ, PORTUGAL!

Reply