Vem aí a CPI do Fim do PT.

 
(Folha) A oposição pediu nesta terça (7) a criação de uma CPI (comissão parlamentar de inquérito) no Senado para investigar irregularidades em fundos de pensão das empresas estatais a partir de 2003. Com o apoio de 32 senadores, o tucano Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP) pediu oficialmente a abertura da CPI, que só será instalada depois de lida em plenário e com as indicações de seus membros pelos líderes partidários. 

Os tucanos e senadores "independentes", aliados do governo Dilma Rousseff, querem investigar denúncias de desvios milionários nos fundos de pensão Postalis (Correios), Petros (Petrobras), Funcef (Caixa Econômica Federal) e Previ (Banco do Brasil). As investigações começam em 2003 por ser o ano em que o PT assumiu a Presidência da República, com a posse do ex-presidente Lula. 

Aloysio Nunes assina o pedido de criação de CPI ao lado da senadora Ana Amélia Lemos (PP-RS), com o apoio de outros 30 congressistas –entre eles, Aécio Neves (PSDB-MG) e os peemedebistas Ricardo Ferraço (PMDB-ES), Rose de Freitas (PMDB-ES) e Luiz Henrique da Silveira (PMDB-SC). 

Em discurso no plenário do Senado, Aloysio Nunes citou denúncias envolvendo as entidades fechadas de previdência complementar. "Mais da metade dos prejuízos contabilizados pela chamada indústria dos fundos de pensão, provem exatamente de deficit desses fundos de operações prejudiciais a esses fundos no âmbito das empresas estatais", disse o tucano. 

PREVI E POSTALIS
Aloysio afirmou que a Previ, o maior fundo de pensão do país, contabilizou no ano passado deficit de R$ 7,8 milhões. E que o Postalis, dos Correios, corre o risco de ser socorrido por funcionários dos Correios com reduções salariais para cobrir um rombo de R$ 5,6 bilhões. 

"Quem é que vai pagar esse prejuízo? Já se começa a ver agora a necessidade de aumentar a contribuição desses funcionários. Há quem diga que o Tesouro deve contribuir para tapar os buracos que foram abertos pela incúria, pela corrupção em consequência da atribuição e da direção desses fundos a partidos políticos e a sindicatos que não estão comprometidos com os trabalhadores que representam", disse o senador. 

Para que a CPI seja criada, é preciso que o requerimento da oposição seja lido no plenário do Senado. Depois, são conferidas as assinaturas, que precisam ser de no mínimo de 27 senadores, um terço do total da Casa. Em uma última etapa, os líderes partidários têm que indicar os membros da CPI que, após eleger seu presidente e relator, estará oficialmente instalada.

22 comentários

Enquanto existir um partido como o PT, não haverá futuro para a Democracia no Brasil. É urgente extingüir definitivamente esta quadrilha leninista, trotskista, stalinista e gramsciana. Já existem motivos de sobra para cassar o TSE cassar o registro do PT. Até quando esperar? CASSAÇÃO JÁ!!!

Reply

Coronel,

Tomara que este seja o começo do fim para eles. Não dá mais para assistir aos noticiários, ler na internet tudo o que esse bando de ratos fazem com o país, ainda bancarem os "defensores" da pátria e saírem ilesos. Dá nojo e vergonha de tudo isso! Tomara que dia 12 seja o dobro do que foi o protesto anterior e conseguimos tirar Lula e PT da vida do brasileiro, porque Dilma não volta mais!

Neto.

Reply

O rombo do Postalis coberto pelo Tesouro????? Absurdo!

Quem são os responsáveis pelo Rombo???? Eles que paguem com o seu patrimônio!!!!

Eu me nego a pagar um centavo sequer desta pouca vergonha!

FORA PT!
FORA LULA!
FORA DILMA!


Chris/SP

Reply

Será que essa mulher tresloucada não tem vegonha na cara?

Pede pra sair 00

ZERO SIM vc é um zero à esquerda.

O país vai expodir e ela continua falando asneiras sem parar?

Reply

Se for instalada...
Se a Presidência e Relatoria não forem do pt...
Se os partidos de oposição escalarem um time forte...
É muito "se", mas há esperança que o epíteto se confirme.

Reply

ESCANDALO!!!!

A MAQUIAGEM DAS CONTAS PÚBLICAS POR UM GOVERNO VAGABUNDO
Economia 07.04.15 13:31

São muitíssimo sérias as conclusões do procurador Júlio Marcelo de Oliveira sobre crimes fiscais cometidos pelo governo Dilma Rousseff entre 2013 e 2014.

Em sua representação ao TCU, baseada na investigação meticulosa de auditores e técnicos do TCU e do MPF, ele diz que os atrasos dos repasses do Tesouro Nacional aos bancos públicos encarregados de pagar benefícios como aposentadorias, Bolsa Família, seguro-desemprego e FGTS, entre outros (as "pedaladas fiscais"), eram de fato propositais e serviam para melhorar artificialmente as contas públicas, em detrimento das instituições financeiras, em especial a Caixa Econômica Federal, mas também o Banco do Brasil e o BNDES.

Ao atrasar os repasses, os bancos públicos tornavam-se credores da União - o que configura operações de crédito absolutamente ilegais.

Os bancos registravam o dinheiro a receber nos seus ativos, mas o governo não registrava o dinheiro a pagar como parte da dívida pública. Uma malandragem evidente. É esse o ponto que preocupa o Planalto. Tanto que o advogado-geral da União, Luís Inácio Adams, vai tentar refutá-lo pessoalmente no TCU, no caso de o ministro José Múcio abrir o caso para a votação em plenário.
Na sua representação, o procurador Júlio Marcelo de Oliveira pede para que sejam convocados a prestar explicações autoridades como o ex-ministro da Fazenda Guido Mantega, o atual ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, o presidente do BNDES, Luciano Coutinho e o ex-secretário do Tesouro Nacional Arno Hugo Augustin Filho. Todos cúmplices na arte de maquiar as contas de um governo vagabundo, para dizer o mínimo.

http://www.oantagonista.com/posts/a-maquiagem-das-contas-publicas-por-um-governo-vagabundo


Chris/SP

Reply

Acho que se a oposição quisesse mesmo acabar com o PT inventaria outras medidas, de fato efetivas.

Todas as CPIs que criaram até agora não surtiram nenhum efeito positivo, a não ser um circo com os palhaços sustentados com dinheiro público e um caminho festivo com alegre pizzada final, mais um acintoso deboche da cara do povo roubado.

Reply
Rita Rafaeli mod

Conseguiram fazer o que parecia impossível: censurar a internet.

http://www1.folha.uol.com.br/poder/2015/04/1613296-redes-sociais-tem-sido-palco-de-discriminacao-e-preconceito-diz-dilma.shtml?cmpid=facefolha

Reply

Se for para acabar com o pt na mais pura democracia é a coisa mais fácil do mundo, organização criminosa que tudo que fala, escreve e age é criminoso.

Não era para sequer ter nascido, só nasceu por que ainda somos guiados por essa maldita religião anti capitalista, anti lucro e anti trabalho que em tudo que colocou a mão destruiu.

Reply

EXTINÇÃO DO PT!

Que seja criada também uma lei proibindo qualquer apologia ao PT, seus membros e simpatizantes da causa Bolivariana.

Que seja confiscada toda riqueza da Dilma e sua filha, de Lula e seu filho e demais petralhas. Percam tudo, empresas, bens móveis, bens imóveis.

Venderam a Pátria, acabaram com a Petrobras (Agora é do Soros e dos Chineses... é só esperar para ver).

Forçaram a quebra de várias empresas para criar vantagens para seus correlegionários.

Reply
Paulistano Estressado mod


É tanta notícia de corrupção nesse governo que as pessoas já estão se "acostumando" a isso.Da mesma forma como o noticiário nos transmite a violência,dia após dia,o público vai deixando de se impressionar.Isso é perigosíssimo!!!
Logo precisaremos de uma CPI das CPIs ! Vai faltar Polícia Federal para dar conta de tanta investigação..

Reply

Agora vai, caramba, anos os assistidos desses fundos de pensão vem denunciando o mal feito e a maracutaia com o dinheiro suado dessas pessoas.

Reply

Muy buenas Coronel.
Vai ser aberta a Caixa de Pandora...O PT ,(Partido dos Tolos ou Partido dos Trouxas), realmente vai para o brejo. Espero que levem com eles o casal de sapos cururus, Lula e Dilma.

Reply

Falta a CPI do Bndes.

Reply

Coronel,
é necessário que o PT imploda para podermos nos livrar dessa praga. Depender da oposição nunca iremos ver o Brasil voltar a ser um país democrático e com esperança.

Reply

Não se esqueça a do BNDES...

Reply

O povo tem que ficar atento para não pagar mais essa maracutaia. Os funcionários das estatais, maioria eleitores ou ex-eleitores PT, que aguentem as consequências. Já são cheios de mordomias e garantias, que não venham cobrar do povo essa conta.

Reply


ESTA É A MELHOR NOTICIA DO DIA

Independentemente do julgamento do Habeas Corpus pelo STF, que pode acontecer amanhã, as negociações para a delação premiada de Ricardo Pessoa continuam de vento em popa. Estão em fase final. De acordo com o que seus advogados têm dito a interlocutores, Pessoa quer falar, sim – e falaria mesmo se o habeas corpus for concedido.

Por Lauro Jardim

Reply

Quando ouço a presidente dizer que nos governos petistas a Policia Federal e Ministério Público Federal foram orientados a combater a corrupção, entendo que querem dizer que o PT manda nestas duas instituições. Sendo assim, passo a acreditar que nos governos tucanos não houve corrupção. Isso, porque nada impede que se investigue governos passados. O PT esta a 12 anos no poder e até hoje não conseguiu que a PF e MPF denunciasse ninguém do PSDB. Portanto, se esta existindo tanta denúncia de corrupção é pelo simples motivo de estarem sendo praticadas nos governos petistas.

Reply

o governo petista "limpou" os cofres dos fundos de pensao.os associados travam ha anos uma luta titanica p manter proventos q estao sendo minguados.o passado de segurança e bem estar foi extinto ha muitos anos.as pessoas deveriam se informar melhor....

Reply

Cel
Sempre que noticiam sobre fundo de pensão me lembro do Gushiken e do Pizzolato...O 1º falecido e o 2º fugitivo. Isto é PT...
Esther

Reply

Não sei porque insistem em dizer que os assistidos dos fundos de pensão votavam ou faziam campanha pro PT, uma ova, pelo menos os que realmente trabalhavam tinham nojo de sindicalista, era a turma mais malandra e preguiçosa no ambiente de trabalho. E continuam sendo.

Reply