10% do Congresso na Lista de Janot.

São 54 nomes, ainda em sigilo. São 28 inquéritos. Por enquanto, somente Teori Zavascki, ministro do STF, além de Rodrigo Janot, procurador geral da República, que encaminhou a lista, sabem quem está na lista. O que choca um país é que cerca de 10% do Congresso está envolvido na roubalheira da Petrobras. Não há como não passar este país a limpo acabando, dentro da lei, com este ciclo perverso, desonesto e corrupto do PT.

24 comentários

Coronel, não quero ser um estraga-prazeres, mas não confio nesse homem. Esse senhor, Rodrigo Janot, pelas suas decisões anteriores, declarações e, mais recentemente, reuniões secretas com membros do govermo, deixa claro que envolverá políticos de todos os partidos - principalmente da oposição -, para dar a impressão de que a culpa é do sistema e não do Partido Totalitário. Não acredito nesse cara. Mas torço para eu esteja errado.

Reply

Só 10% ???
Rsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsr

Reply

Coronel, são 54 pessoas citadas, mas não necessariamente políticos. Tem muita gente sem foro privilegiado. Então não tem como ser 10% do congresso.

Reply

Buenas Coronel.
Faço minhas, Vossas palavras.

Reply


O que me preocupa é aparecer nome nessa lista de tucanos, pra dar a anta a desculpa que ela tanto quer que todos são iguais....estou torcendo pra ficar só no Sergio Guerra.

Reply

Os integrantes da EQUIPE MORO têm que ser rígidos e contundentes com esses calhordas togados que estão atrapalhando a operação Lava Jato.
Depois de tanto trabalho dos juristas do Paraná e patusco descarado desdenha tudo e abre inquérito, quando deve DENUNCIAR essa corja de ladrões da Patrobrás. Só qvamos ver a repercussão dessa decisão descarada desse bosta, perante o mundo.
Com certeza o conceito que devem fazer desse pgr, é da pior qualidade.

Quanta diferença de um HOMEM HONRADO para um PULHA.

Reply

10% com certeza não tudo que tem lá de comedores da Petrobrás. Aparecerão muitos outros.

O PT não vai mais conseguir se safar daqui pra frente, apesar dos companheiros blindadores do STF. É muito podre pra esconder. Não dá mais pra segurar, vai tudo pro camburão.

Pra qualquer lado que se quiser olhar, tem podridão dessa corja.

Só uma "palinha" do mundão que tem escondido por aí:

"... desde 2007 o filho de Lula mora em apartamento alugado por R$ 12 mil reais, nos Jardins, bairro nobre de São Paulo. Quem paga a conta é uma empresa com contratos com governos, entre eles o federal. Lulinha, como Fábio Luís é conhecido, não é sócio da empresa que paga o aluguel."
Da mesma forma que Lula morou de graça durante anos no apartamento do empresário - seu “compadre” - Roberto Teixeira, seu filhinho segue o mesmo caminho, no mínimo constrangedor."



Reply

TODA UMA NAÇÃO sendo escrachada por 1 petralha, que se acha acima e dono da Lei. Um velhinho careca se acha com poder de esconder seus comparsas corruptos, do conhecimento do povo.

Quanto poder heim seu Zavaski! Vamos ver até onde vai sua impáfia.

Quanto mais alto o coqueiro, maior é o tombo.

Reply

Comentário que assino embaixo, na sua totalidade. O país está sendo manipulado em um balcão de negócios e negociatas!

Reply

54 nomes que AINDA continuam no congresso, vai saber quantos não estão mais.

Reply

Então podemos imaginar que tem mais umas 5 ou 6 PTbrás espalhadas pelas estatais, autarquias e ministérios...

+ MarceloF

Reply

Um PGR pedindo abertura de inquéritos ao invés de oferecer denúncia a partir do Inquérito da Lava Jato, francamente... é um PGR acocorado diante da governanta e seu mentor. Lamentável...

Reply

O que reparei é que o Sr. Janot equiparou todos os 54 bandidos, mesmo sendo eles de diferentes matizes.

Não há hierarquia delituosa nesta seleção de 54 nomes. Estranho!

Não é possível, que depois de 1 ano de LAVA JATO não haja provas suficientes para denunciar alguns, pelo menos.

Não confio no Sr. Janot depois de ele ter dito que: "Passei a régua e Dilma e Lula não estão envolvidos". Por enquanto, viu Sr. Janot Lula e Dilma não estão na lista.

Confio muito no trabalho do juiz Sergio Moro, que já anunciou ontem sua disposição de "follow the Money" (seguir o caminho do dinheiro) para se chegar ao CHEFE DO BANDO!! Aposto que ele chegará!


Chris/SP

Reply

Se não pegarem o Lula essa roubalheira não vai acabar nunca.

Tem que pegar o chefe.

Não adianta pegar só os peões...tem que dar Xeque mate.

Reply

Ninguem aguenta mais, está insuportavel, o povo não é palhaço, como o senhor Lula e a presidenta trapaceira fez inumeras vezes. CHEGA.
IMPEACHMENT JÁ.

Reply

Vídeo em que PRF ameaça cidadão que filmava paralisação:
https://www.youtube.com/watch?v=R4Z2P2nFXlk

Reply

ENQUANTO OS CAMINHONEIROS LUTAM EM NOSSO LUGAR, O MST INVADE FAZENDAS EM PLENA COLHEITA!
https://www.facebook.com/video.php?v=634239866682218

Reply

SO'?!

Reply

Que todo mundo vá as rua no dia 15 ,levantem o traseiro e saiam as ruas.Só assim farão alguma coisa. Do jeito que tá não dá.
Brasileiros deixem de ser panacas acomodados que ficam reclamando não fazem nada. Tem que ter ação e não só falação!

Reply

Coronel,
se só temos 10% então estamos com 90% de políticos sérios. Com um Congresso de primeira qualidade o Brasil agora vai. Vai continuar na lama.

Reply

Bom, no mínimo em 2.025 isso estará definido no âmbito judicial, ou mais um pouco, 2035.

Felizmente a debâcle da economia socialista já se deu na AL, resta agora as milícias a espancar e matar os dissidentes, coisa que no Brasil ainda não está em curso mas logo estará com a total complacência da sociedade como um todo, que por sinal estará com o rabo entre as pernas como convém a um povo de frouxos pacifistas.

A OTAN está sendo desmoralizada na Europa, o que permite antever uma ofensiva totalitária no globo que inclusive virá em apoio a seus fieis escudeiros latinos, na perspectiva da guerra contra os EUA.

E torcer pelos republicanos e por uma improvável, porém necessária e estratégica intervenção militar na AL, chegará a hora que os EUA não poderão permitir a formação de um exército totalitário na sua fronteira com total disposição e única missão de atacá-lo.

Serão tempos muitos difíceis.

Reply

A salvação do PMDB e de outros partidos aliados envolvidos na lista de Janot passa por uma única ação: aprovarem o impeachment de Dilma. Se implicados na lista e continuarem mantendo Dilma lá, além do povo não tirar o foco do impeachment ainda vai cair de pau em cima deles.

Reply

Não adianta. Pouco vai acontecer. O povo esquecerá e eles lá continuarão.

Reply

Alguns envolvidos constam da matéria abaixo do Congresso em Foco.

http://congressoemfoco.uol.com.br/noticias/inqueritos-envolvem-principais-lideres-do-senado/



Chris/SP

Reply