Tarso Genro, o golpista de 1999, diz que Lava Jato está destruindo a "utopia democrática da esquerda".

Clique aqui para ver o artigo golpista de Tarso Genro, lançando o Fora FHC.  Ou sobre a imagem abaixo.

(Estadão) O ex-ministro da Justiça no governo Lula, Tarso Genro criticou nesta quarta-feira, 22, o juiz Sérgio Moro, que conduz as ações da Operação Lava Jato, e afirmou que "está havendo um regime de exceção não declarado na luta contra a corrupção no País". Em palestra na sede do Clube de Engenharia, no Rio de Janeiro, o ex-governador do Rio Grande do Sul disse acreditar que o País caminha para uma inflexão autoritária e afirmou que esse processo está sendo "instrumentalizado politicamente" pelo que chamou de "setores do Poder Judiciário vinculados a setores do Ministério Público e da alta burocracia estatal" para derrotar "o que resta da utopia democrática da esquerda".

"A questão democrática está sendo dilapidada. Estamos vivendo, a partir de uma grande articulação,um processo de exceção não declarado", discursou. Para o ex-ministro, a chamada "instrumentalização da exceção dentro da ordem democrática que é feita hoje pela elite brasileira formou um grande partido político". Ele também criticou o "sistema de comunicação tradicional" e citou nominalmente o juiz Sérgio Moro.

"O juiz Moro, por exemplo, se dedica a estabelecer uma jurisdição nacional para seus inquéritos, o que não existe. Quando o juiz Moro diz: 'Eu me reuni com a minha equipe' é o Ministério Público, isso não existe no Estado de Direito. Um juiz nunca forma equipe com o MP. Estamos nos encaminhando para um flexão autoritária e para a formação de exceção não declarada contra a esquerda brasileira", discursou o ex-presidente do PT.

Tarso defendeu a criação de uma nova frente política de esquerda em direção a 2018. O ex-ministro do governo de Luiz Inácio Lula da Silva reconheceu o risco de "encerramento melancólico" da gestão petista em função da crise política atual e da corrupção, que segundo ele "atingiu setores do partido". Tarso disse, porém, acreditar na possibilidade de "reversão". "Se as coisas continuarem na marcha atual, vamos ter em 2018 uma coalizão de centro-direita fortíssima."

31 comentários

Dar voz a esse dinossauro petralha é pura perda de tempo Não passa de um esquerdopata acoitador de terrorista!

Reply

depois de colocar o rio grande do sul no caos, sai por ai falando besteiras. pelo menos foi "honesto" ao se referir `a "democracia de esquerda", como UTOPIA.

Reply

Náo foi a democracia que foi dilapidada por este ser abjeto no Rio Grande do Sul. Ele deixou atrás de si um estado falido pela sua má gestão !

Reply

Coronel,
é preciso ter muita cara de pau e ser um canalha da pior espécie, se é que existe canalha da pior espécie, para falar uma excrescência desta.

Reply

Cara, é só pegar o texto dele, trocar FHC por dilma roscoff, tirar a frase do fmi, e trocar "elite" por "esquerdopatas". Pronto, o texto fica atualíssimo.

Reply

Esquerdopatia não tem cura, somente um big wall de 10 km para liquidar o problema

Reply


CINISMO E LERO LERO DE BANDIDO, todo petista tem de sobra.

'Regime de exceção' é o que PT usa para desgovernar e roubar o Brasil!

FORA CORRUPTOS! CÍNICOS! FALAM DA CORRUPÇÃO COMO SE NÃO FOSSEM ELES, OS PETISTAS, OS PROTAGONISTAS DESSA DESGRAÇA NO BRASIL.

Reply

O petralha quer dar uma de malandro. Quem destruiu a esquerda corrupta tupiniquim foram seus dirigentes e não a Lava Jato. A Lava Jato está destruindo o aior esquema de corrupçãp jamais imaginado e promovido pela esquerda idiota.

Reply

Esse não passa de um imbecil !

Reply

Precisamos destruir o PT antes que o PT destrua o Brasil, olha isso Coronel;
Um partido que está no poder há 12 anos lança um documento oficial chamado "Um partido para tempos de guerra". Estão loucos? Um caderno que fala em "demitir ministros capitalistas"? Em argentinizar nossa credibilidade propondo o calote nas dívidas internas e externas? Em "estatizar a Rede Globo e abrí-la para os movimentos sociais"? A lista de devaneios segue e não se acha uma proposta visando melhorar o país. Para eles, o partido está acima de tudo, o Brasil é secundário. O caderno chega ao cúmulo de pedir para eliminar qualquer criminalização de movimentos sociais. Querem criar uma nova casta, onde CUT, MST e as tropas do general Stédile ficariam inimputáveis. Livres para agir como os coletivos de Maduro, na Venezuela. Como falei mais cedo, é sintomático que os dirigentes petistas gestados nessa política partidária tenham o DNA do autoritarismo, da aversão à democracia e da utilização das instituições como ferramentas de corrupção. E a origem de tudo isso é o Foro de São Paulo, esta organização que estabeleceu essas diretrizes para que PT e outros partidos de esquerda na América Latina se perpetuassem no poder às custas da deterioração de nossas instituições. E o pior: o principal financiador de tudo isso, como alerta Olavo de Carvalho, é o Estado brasileiro operado pelo PT.

Reply

São dois padrões de comportamento inteiramente diferentes. O juiz Sérgio Moro pelo exmplo que é, só faz despertar confiança, respeito, admiração e orgulho na imensa maioria de brasileiros honestos. Já o político Tarso Genro do PT... tudo o que sinto por esse homem e pelo partido dele, se traduz em um único sentimento: REPULSA.

Reply

utopias têm de ser destruídas mesmo

Reply

este vagabundo devia estar preso pelo rombo que deu nos gauchos.

Reply

Se Deus quiser ainda vamos ter um partido de centro direita para nos defender,e levar o pais para uma era moderna e de políticos pautados no bem comum do povo.

Reply

E não se enganem, pois a verdade é pior do que isto, pois, a eminência parda do Foro de São Paulo é o FHC.

Reply

Irrelevante o que esse sr pensa,fala e escreve.Um zero a esquerda tão somente.

Reply
fred oliveira mod

O pt e' que vem dilapidando nao apenas o patrimonio publico como a propria democracia brasileira. E e' saudavel a alternancia de poder pois so a esquerda falindo o Brasil e' terrivl. Tarso afundou o RS como Lula e Dilma afundaram o Brasil.

Reply

Coronel, a família Genro gosta mesmo é de uma boquinha veja só;
Conheça o apetite insaciável dos Genro, Luciana e Robaina.
Família psólica feliz.
Na família Genro, a servidora de cargo de confiança da Assembléia (R$ 16 mil mensais), Luciana Genro, não é a única que recebe polpudos salários dos cofres públicos abastecidos por pobres e ricos, sem trabalhar de modo regular, porque também seu ex-marido, Roberto Robaina, frequenta outra apetitosa lista de CCs, mas, esta, da Câmara de Vereadores.
Ambos são dirigentes do PSOL, cuja defesa do comunismo e da moralidade pública é conhecida dentro e fora de Porto Alegre.
O apetite de ambos pelos cofres públicos é insaciável.
Basta uma simples consulta no site transparência da Câmara Municipal da nossa Capital, http://transparencia.camarapoa.rs.gov.br/, para constatar que o ilustre servidor encontra-se lotado desde 2009 em um cargo de nível superior da bancada do PSO no legislativo municipal. O único problema nisso tudo, é que ninguém que trabalhe na Assembléia e na Câmara, nunca viram Luciana e Robaina por lá, nem sequer passeando ou almoçando nas dependências daquelas Casas Legislativas. (blog do polibio Braga)

Reply

E não que ele tem razão!
Não precisamos de UTOPIA. Precisamos de REALIDADE, para equacionarmos os nossos prolblemas e botar de vez esse país nos eixos.
A utopia de esquerda cansou de se mostrar incompetente e eleiminou muita gente. De fome, no paredão e em exílios.
Vá se catar Tarso!

Cavalaria Ligeira

Reply

Não sei por quê tanta crítica ao cara somente pela divergência ideológica e utopia democrática a qual defende.
Sejamos razoáveis. O Brasil é imenso. Por que não cedermos a eles uma grande extensão de terra, incluindo as atuais reservas indígenas que eles defenderam a soberania a vida toda? Transferiríamos para lá todos os militantes, todos os juízes petistas, todos os ministros petistas, Lula e Dilma, os petistas já presos etc., concedendo perdão judicial. Como ponto de partida poderiam levar tudo o que roubaram da Petrobras para dividir entre si, como exemplo de justiça entre os homens de bem. Lá eles implementariam a utopia democrática e viverem felizes para sempre, num estado de igualdade e fraternidade. Já teriam inclusive toda a eficiente estrutura montada.
Aqui não se falaria mais em bolivarianismo e, acredito, valeria a pena a dotação orçamentária a maior para os cuidados com a fronteira, somente...

Reply

Sinto nojo de todo e qualquer petista!


Chris/SP

Reply

"utopia democrática da esquerda".
Será que o Tarso Genro sabe realmente o significado do que ele falou????

Reply

Dejeto humano !
Pulha canalha !

Reply

A pior ofensa que considero fazer a uma pessoa é chama-la de petista pois, sintetiza tudo de ruim que um ser humano pode ser e fazer na escala de valores individuais e coletivos. Esse senhor para mim é um petista psicopata .

Reply

Que bestalhão! Só podia ser pai da bestalhona.

Reply

"Utopia democrática de esquerda"???

Reply

Anonimo 10:22, BRAVO! Ha' muito tempo se denuncia o ninho de serpente foro de s.p onde tudo e' tramado totalmente ignorado pela midia(ou apoiado)!

Reply

...enquanto ficam corneteando serra, fhc e aecio,(PETISTAS AGRADECEM), os planos do maldito FORO sao colocados em pratica!

Reply

Também acredito que tudo vai mudar:Quero o PT inteiro na cadeia!Tarso,aproveita pra desaparecer,em 2018 espero que o Pt tenha sido extinguido!Desapareçam,que fujam pra Cuba ou Venezuela!!!Ou mofem presos!

Reply

Who cares?... o que esse troglodita pensa????

Reply

Pense num pilantra imprestável, Tarso Genro é completo.

Reply