Empreiteiras da Lava-Jato desviaram mais de R$ 150 milhões em dezenas de obras em todo país. CGU sabia, mas não puniu.

O atual ministro da CGU é  Valdir Moysés Simão. Quando nomeado por Dilma, ele era o número dois da Casa Civil, por onde passaram Zé Dirceu, Palocci, Erenice, Gleisi. Casa Civil, verdadeiro antro de tantos escândalos de corrupção. O ministro vem da Receita Federal, que chegou a comandar como secretário-adjunto durante o início das falcatruas que geraram a Operação Zelotes. Conhece muito bem fiscalização. É um especialista! A CGU se queixa de falta de dinheiro. O Brasil se queixa da falta de fiscalização de uma instituição que atua para blindar o governo, sentando em cima de processos como estes relatados abaixo na reportagem de O Globo.

(O Globo) Empresas investigadas na Operação Lava-Jato, que apura principalmente o esquema de corrupção na Petrobras, já foram responsáveis por obras de transporte que causaram prejuízos milionários aos cofres públicos. Entre 2005 e 2011, segundo auditoria da Controladoria-Geral da União (CGU), houve irregularidades de pelo menos R$ 89,6 milhões. O total de irregularidades, entre verbas superfaturadas e perdas que só foram evitadas pela ação de órgãos de controle, é de R$ 154,3 milhões, em valores da época.

Anteontem, o GLOBO revelou que o presidente da Camargo Corrêa, Dalton Avancini, confessou à Justiça que a empreiteira pagou propina para executar obras na Ferrovia Norte-Sul, nos mesmos moldes das operações com os contratos da Petrobras. O dinheiro, disse, irrigou os cofres de partidos políticos e agentes públicos.

O depoimento foi dado no processo de delação premiada, por meio do qual ele está colaborando em troca da redução da pena. Em março, o GLOBO mostrou que Avancini confirmara o pagamento de R$ 100 milhões em propina para obter contratos de obras na usina hidrelétrica de Belo Monte. O ministro dos Transportes, Antônio Carlos Rodrigues, solicitou à Valec, estatal ligada à pasta, cópias dos contratos sob suspeita envolvendo a Ferrovia Norte-Sul, citados na reportagem do GLOBO da última quinta-feira.

A auditoria da CGU que apontou outras irregularidades foi feita em 2011, após o escândalo que atingiu o Ministério dos Transportes e levou à demissão do então ministro Alfredo Nascimento, hoje deputado (PR-AM). O relatório tem 253 páginas e cita problemas em 12 obras rodoviárias e três ferroviárias e na contratação de duas empresas. Em duas dessas obras — a Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol) e a duplicação da BR-101, no Nordeste —, há pendências com empresas investigadas Lava-Jato.

Na BR-101, o prejuízo se concentrou no lote 7 da obra de duplicação da rodovia, orçado em R$ 356,1 milhões. A obra, sob responsabilidade do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), do Ministério dos Transportes, ficou a cargo de um consórcio formado por Queiroz Galvão, Odebrecht, Andrade Gutierrez e Barbosa Melo. As três primeiras também estão sendo investigadas na Lava-Jato.

Segundo a CGU, houve irregularidades de R$ 89,6 milhões causados por má execução da obra, superfaturamento, superestimativa de serviços e projeto executivo deficiente. As perdas podem ter sido maiores. Em relação aos serviço de terraplanagem, a CGU estima um prejuízo extra em potencial de R$ 20,6 milhões.

No caso das obras da Ferrovia de Integração Oeste-Leste, sob responsabilidade da Valec, só não chegou a haver prejuízo porque as irregularidades foram descobertas e os valores, corrigidos antes do desembolso. A obra, orçada em R$ 1,65 bilhão, foi dividida em lotes. O consórcio formado pelas empreiteiras Galvão Engenharia e OAS, também investigadas na Lava-Jato, ficou com um lote. A CGU constatou sobrepreço de R$ 14,7 milhões nos serviços de terraplanagem. Somados aos R$ 29,47 detectados pelo Tribunal de Contas da União (TCU), as irregularidades somaram R$ 44,2 milhões.

O Dnit determinou uma devassa nos contratos novos ou em vigor com empreiteiras citadas na Lava-Jato desde 2010. O Ministério dos Transportes informou que o Dnit “decidiu iniciar auditoria em cada um desses contratos e determinar às superintendências regionais que identifiquem e disponibilizem para a sede (em Brasília) toda a documentação referente a eventuais processos e contratos dessas empresas (citadas na Lava-Jato)”. A Valec informou que “mantém os procedimentos referentes às contratações públicas, previstos na legislação vigente”. 

Várias das obras citadas na auditoria, como a da Fiol, foram citadas em reportagens, levando à investigação da CGU. Outras, como a BR-101, foram incluídas por iniciativa da própria CGU. “Embora não conste no rol de obras citadas nas recentes denúncias, a obra da BR-101/NE foi aqui incluída pelo seu caráter emblemático, representativa que é da tipologia de problemas que se repetem em inúmeras obras do Dnit”, escreveu a CGU no relatório.

A CGU usa palavras fortes para descrever as irregularidades na duplicação da rodovia. Segundo o órgão, a obra “é, sem dúvida, o caso que evidencia de forma mais clara como a combinação de fatores, a exemplo da existência de cláusulas restritivas no edital de licitação, o descaso com a confecção e a análise dos projetos de engenharia, a falência do modelo de supervisão de obras e a conivência da fiscalização, podem representar prejuízos significativos ao erário público, materializados pela medição de serviços não executados, pela necessidade constante de revisões de projeto em fase de obra com repercussão financeira, algumas das quais resultantes de erros grosseiros de projeto e pela falta de qualidade dos serviços entregues”.

Nos últimos anos, as grandes empreiteiras deixaram os contratos do Dnit, dando espaço a companhias de médio e pequeno portes. Em 2010, porém, elas ainda tinham forte atuação na construção e manutenção de estradas. A redução da participação dessas empresas dos leilões do Dnit combinou com a adoção de medidas para coibir formas de corrupção no setor. Segundo o Ministério dos Transportes, nos últimos anos Dnit e Valec passaram a ter acompanhamento sistemático dos órgãos de controle internos e externos ao governo. Seus editais de licitação foram reavaliados para incorporar sugestões da CGU.

O governo diz que as instituições passaram a reter pagamentos sempre que identificada irregularidade nos contratos, e aperfeiçoaram os sistemas de acompanhamento e medição das obras. Também foi adotado o regime diferenciado de contratação (RDC), com leilões públicos e orçamentos sigilosos.

Ao GLOBO, a CGU informou que não puniu as empresas citadas no relatório nem abriu processos de responsabilização contra elas. “Contudo, caso as investigações da Lava-Jato ou outros trabalhos investigativos revelem informações importantes que apontem a existência de corrupção e atos lesivos à administração, a CGU poderá sim abrir processos de responsabilização com vistas à aplicação de possíveis sanções”, diz o órgão.

A CGU comunicou também que a detecção de irregularidades por uma auditoria do órgão não leva necessariamente à abertura de um procedimento administrativo punitivo. “Para que um processo punitivo seja aberto, é necessária a comprovação de corrupção, de atos ilícitos lesivos à administração pública. Nos casos em que as irregularidades apontadas pela auditoria sejam referentes a casos menos graves, como, por exemplo, falhas de gestão, não há a necessidade de abertura de tal processo”, disse a CGU.

32 comentários

O Brasil precisa passa por um processo urgentíssimo de DESINSETIZAÇÃO, DESCUPINIZAÇÃO E mais ainda, por cima, de D E S R A T I Z A Ç Ã O o mais urgente e mandar para o aterro sanitário o bando de ladrões da quadrilha que se instalou no Planalto.!
Estão aparelhando... aparelhando e o povo se danando...
Cada vez mais na vagabundagem e incompetência dos comunistas do PT, que nunca tiveram planos de governo, apenas plano de poder e assim beneficiar a Mafia do Poder e os que pertencerem à corriola dos bandidos!
Fora, PT; dia 12 na ruas; até lá!

Reply

VEM PRA RUA DIA 12 . Por favor vamos interagir precisamos lotar as ruas deste país . Estamos no fundo do poço , só mesmo a mobilização dos brasileiros poderá dar outros rumos ao país . Dia 12 Vem pra rua .

Reply

Coronel,
agora ficou confirmado que a CGU só serve para punir pequenos funcionários que cometem pequenos erros. Corrupção nem pensar. Agora, a Rainha Louca vai criar a Controladoria Geral da CGU para fiscalizar a ... CGU. Seria cômico se não fosse trágico.

Reply

Por isso é que se diz que eles dominaram tudo. Inclusive os órgãos fiscalizadores. Por isso toda essa facilidade, e olha que eles não sabem de nada, imaginem se soubessem.

Reply

Petralhas: mafioso, ladrão, mentiroso, cínico, dissimulado, trapaceiro, capaz de morrer pelo grupo, veja marcos Valério.

Reply

Coronel, o vagabundo,demagogo e pilantra do Luladrão não foi pego ainda.......
Temos tirá-los do poder logo.

Reply

E por essase outras que o dinheiro rendia muito mais na Democracia Militar. Compare as realizacoes em 20 anos de Democracia Militar com os 30 anos da Democracia Civil. Pense que ainda os Militares tinham um orcamento anual 10 vezes menor que o atual.O dinheiro publico esta indo para o esgoto a ceu aberto, pois nem saneamento tem.

Reply

E por essase outras que o dinheiro rendia muito mais na Democracia Militar. Compare as realizacoes em 20 anos de Democracia Militar com os 30 anos da Democracia Civil. Pense que ainda os Militares tinham um orcamento anual 10 vezes menor que o atual.O dinheiro publico esta indo para o esgoto a ceu aberto, pois nem saneamento tem.

Reply

qto mais se cria orgaos, maior a roubalheira e o apadrinhamento.tem q acabar com esse amontoado de siglas,sao milhoes indo p o ralo sem nenhum controle.

Reply

Coronel,

a CGU está a serviço do PT há longa data, assim como o STF, com raras exceções.

Por falar em STF, perdoe-me as maiúsculas Coronel, mas digo aos berros para ele me ouvir:

TOFOLLI!

ESTAMOS DE OLHO EM VOCÊ!!

CUIDADO COM SUAS ATITUDES EM RELAÇÃO À LAVA JATO!
MUITO CUIDADO!

DEIXE OS BANDIDOS NA CADEIA!

ESTAMOS CADA VEZ MAIS FARTOS DE VER PETRALHA LIVRE, LEVE E SOLTO!

Dia 12 está chegando! Muitos cartazes precisam expressar nossa indignação com o Superior Tribunal Federal APARELHADO e a Controladoria Geral da União APARELHADA pelo PT!

FORA PT!

OU ACABAMOS COM O PT,
OU O PT ACABARÁ COM O BRASIL!

Flor Lilás

Reply

O Brasil apodreceu. É de cabo a rabo. Triste fim.

Reply

O UOL, quem diria, copiando o layout do site de notícias da VEJA...kkkkk quanta falta de criatividade.
Será que alguém ali no UOL tem caso amoroso com Fidel? Nunca vi em toda a minha vida tanta bajulação por uma ditadura falida. Haja saco para ler UOL e FOLHA.

Reply

Equipe MBL de Blumenau-SC mandando seu recado: Dia 12/04 será maior!!!
https://www.facebook.com/video.php?v=815869158491252&set=vb.100002045267994&type=2&theater

Reply

De vermelho, só o Inter. Saudações coloradas!

Reply

Só R$150 milhões?!!!

* Tenho a impressão que toda essa ladroagem e por todos esses anos já deva beirar a casa do bilhão!!!

Reply

Não sobrará um familiar desses ladrões para contar história.
O Brasil já um território perigoso para os líderes petistas e seus empresários.

Reply

Viu o post ridículo do maluco do megafone Coronel?
O homem está totalmente desequilibrado com a queda do ParTidinho dele.

Reply

É elementar: impossivel recolocar o Brasil no bom rumo mantendo a direção. Dilma e seus indicados têm que ser expelidos do poder para que o reparo do país tenha sucesso. Acreditar que o país se endireita com esses criminosos no comando da nação, fazendo cara de paisagem e dizendo que irão trabalhar para isso. Fora Dilma e PT.

Reply

FDP...ISSIMO! So nos restaram estas palavras.

Reply

Eles precisam mesmo é de um empurrãozinho!São uns safados,não investigam nada mesmo!O butim com certeza é distribuído entre eles!Me enoja ler tudo isso!A verdade é que não contamos com ninguém!Vamos ter de importar veneno pra ratos!Haja PAPUDA!!!

Reply

No Brasil,está quase tudo contaminado pela CORRUPÇÃO VIGENTE e o Estado aparelhado.As medidas estabelecidas no FORO DE SÃO PAULO-A pleno curso.Fidel Castro está vivo para ver sua obra e de mais alguns em pleno sucesso.

Reply
Ferreira Pena mod

150 milhões, ora Coronel isso é desvio? Parece piada quando só se fala em bilhões.

Reply

Estamos chegando perto da Venezuela, lá o ir para as ruas deu em nada, aqui estamos no mesmo caminho, alguém duvida? Com essa oposição estamos que nem barco sem rumo com um barraco no casco.
Aqui só FFAA o resto é conversa para boi dormir.

" Entre 1964 e 1978 elevou-se o produto interno bruto, PIB, de US$ 23 bilhões para US$ 164 bilhões; ampliou-se o comércio exterior de US$ 2,6 bilhões para US$ 25,9 bilhões; estendeu-se a rede rodoviária federal, de 27.939 Km, para 83.943 Km; aumentou-se o potencial hidrelétrico, de 6.840.000 Kw, para 23.604.000 kw."

Leia e compare:

http://polestrare.org/obrasilquedavacerto.htm

Tudo o que foi citado foi feito apenas nos vinte anos dos governos militares. Agora, exercite sua memória e cite qualquer grande empreendimento realizado nos últimos vinte anos, além da venda a preços módicos de nossas conquistas?..."(Carlos Hernán Tercero)

Reply

Esta na hora de pedir i impeachment do Toffoli e por a cambada que protege o PT pra correr.

Reply
fred oliveira mod

O PT não tem qualquer condição nem legitimidade de continuar governando o país. Apodreceu o Brasil. E os seus aliados tambem são responsáveis por toda a roubalheira. Os partidos que sempre apoiaram tal governo são cúmplices e não tem moral para mais nada. E a receita federal, hein? Tanto dinheiro voando daqui para lá, de lá para cá, e ela nada! nenhuma desconfiança, nenhuma atitude. Agora, para cobrar multa dos bestas que declaram seu imposto de renda é uma festa. Vergonha. Dia 12, vamos entupir as ruas do Brasil de decência, de gente digna, com uma mensagem clara para a justiça, o Congresso, Lula, Dilma, o PT e seus partidos cúmplices dos roubos. Não admitimos mais corrupção e queremos que este governo saia logo do planalto.

Reply

Fagner faz musica em homenagem a Sergio Moro . Parabéns Raimundo Fagner , que a sua atitude possa despertar do sono profundo grande parte da classe artística que dorme enquanto o Brasil se acaba . Vem pra rua !

Reply

Cadê o tal do Jorge Hage, que só "hagia" contra os adversários do pt? Tem que ir atrás desse cara.

Reply

Este vídeo mostra uma cidadã da cidade de Cachoeira do Sul - RS, Vanessa Nogueira, fazendo um chamado às pessoas para que participem do mega protesto contra o PT marcado para o dia 12 de Abril, o próximo domingo.
https://www.youtube.com/watch?v=7WJfwr5Qf7c

Reply

BONECOS DE DILMA E LULA SÃO MALHADOS COMO JUDAS NO CEARÁ:
http://www.diariodopoder.com.br/noticia.php?i=29620075602

Reply

"Aqui só FFAA o resto é conversa para boi dormir."

Concordo plenamente!

Reply

Ue! Eh soh punir quem tinha a obrigacao de punir empreiteiras. Simples, nao?

Reply

FFAA! Concordo! Gente que enfrentou militares, o que e' alguns milhoes protestando pacificamente?! Muita gente nao sabe que dilma' nao queria porra nenhuma de democracia; ela vive um amor platonico eterno com o comunismo e expressa essa psicopatia com os castros,os ditadores do mundo, maduro, cuba, putin e todos os putos comunistas. Ela e' COMUNISTA! Ela e' cumplice da escravidao dos mais medicos (BILHOES PARA CUBA)!
FORA DILMA!
ABRE UMA $1,99 em CUBA!

Reply