CGUgate: Aécio manda PSDB a Londres para buscar provas contra Dilma.

 
O senador Aécio Neves (PSDB-MG) disse que haverá motivo "extremamente forte" para um pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff se ficar comprovado que o governo esperou o fim da eleição para processar uma empresa holandesa suspeita de pagar propina para fazer negócios com a Petrobras. 

Como a Folha revelou ontem, a CGU (Controladoria-Geral da União) recebeu informações detalhadas sobre o assunto do ex-diretor da SBM Offshore Jonathan Taylor em agosto, durante a campanha eleitoral, mas só anunciou a abertura de processo contra a SBM em novembro, após a reeleição de Dilma. "É a utilização do Estado em busca de um projeto de poder. Certamente é um motivo extremamente forte [para o pedido de impeachment]", disse Aécio nesta terça (14). 

A declaração do tucano, que preside o PSDB e foi derrotado por Dilma nas eleições de 2014, representa uma mudança no tom que ele vinha adotando para tratar do tema. O senador evitava defender publicamente a abertura de um processo para investigar a presidente, mas vem sendo pressionado pelo PSDB a aderir à principal bandeira dos grupos que organizaram as manifestações populares contra o governo em 15 de março e neste domingo (12). 

Em reunião com deputados do PSDB nesta terça, Aécio ouviu da bancada a defesa do impeachment de Dilma. No fim do encontro, disse que faria uma "provocação" aos colegas de partido e perguntou quais eram a favor de investigações contra a presidente. Todos levantaram as mãos em apoio ao pedido. 

Aécio também recebeu nesta terça, pela primeira vez, representantes do movimento Vem para a Rua, um dos grupos que lideraram os protestos contra Dilma. Os manifestantes entregaram a Aécio convite para um ato público nesta quarta (15) na Praça dos Três Poderes, em Brasília. 

Representantes dos movimentos contrários ao governo pretendem divulgar durante o ato público um documento com reivindicações ao Congresso, entre elas a aprovação de uma reforma política. Aécio confirmou que o PSDB pediu ao jurista Miguel Reale um estudo das denúncias que já surgiram contra Dilma para verificar se há elementos para o impeachment. "Não é ainda a posição do PSDB, mas temos a obrigação de avaliar todas as alternativas", disse Aécio. O senador afirmou que impeachment não é "palavra proibida ou golpe", mas "constitucional". 

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), disse nesta terça não ver "motivos" para a abertura de processo de impeachment contra Dilma. O peemedebista sinalizou que deve rejeitar os 23 pedidos de investigação que foram apresentados à Câmara até agora. Cabe ao presidente da Casa aceitar um pedido de impeachment e encaminhá-lo para a apreciação do plenário. 

Para que o presidente da República seja afastado e um processo contra ele seja aberto, é necessário o apoio de 342 dos 513 deputados, ou dois terços do plenário. O julgamento é feito pelo Senado. 

Em entrevista a blogueiros alinhados com o governo, Dilma disse nesta terça que o país saiu da eleição presidencial "com muita gente no terceiro turno", mas afirmou que o cenário deve melhorar."Que tipo de crise política nós temos? Saímos da eleição com muita gente no terceiro turno. [...] Vamos fazer 13 anos de governo e quem não está [no governo] reage dessa forma", afirmou a presidente, segundo trecho publicado pelo site "Jornal GGN".

10 comentários

....e a FOLHA ss' ficou sabendo depois. Ta'!

Reply

Os motivos para o impeachment vão daqui ao infinito, é preciso uma grande plêiade de juristas para escrever a obra constitucional e criminal definitiva da raça humana: "os crimes do comunismo no governo do Brasil"

Após o lançamento será preciso juntar psicólogos, antropólogos, filósofos, sociólogos, cientistas políticos e tudo o mais para escrever outra grande obra: "que povo é esse" que durante 12 anos aceita ser destruído, lançado ao cativeiro e ainda reluta em aceitar a realidade.

Por fim, bom, por fim, considerando nossa origem, formação e cultura, para não ofender a sensibilidade de ninguém, contratemos uma junta de marqueteiros e historiadores para mudar, alterar a história, para quando as futuras gerações estudarem todo o processo e concluírem pela culpa extrema de determinadas instituições rápido os legatários da desgraça correrem para falar que a nova geração esta se deixando levar não estudam e estão mal informados, a coisa não foi assim foi assado.

Reply

Porque será tanta leniência? Tanta condescendência?
As ponderações 'amarelas' dos simpatizantes da SOC-PT contra o impeachment, não apagam as evidências contundentes dos crimes desse governo.

Se acham que tudo o que já foi comprovado contra Lula/Dilma/PT ainda não basta para pedir o impeachment, então porque Collor foi 'impichado' por MUUUUIIIIITTO menos? Com essa bandalheira toda, daqui a pouco vão dizer que Collor deveria 'retomar' seu cargo de presidente? ....pelamordeDeus!

Reply

Aécio pode ir ao ato público mas não dia de semana.A oposição trabalha.

Reply
fred oliveira mod

Dilma ainda fala em terceiro turno? Ela nao lembra que mentiu para o pais inteiro? Nao recorda que prevaricou? Nao tem lembranca de ter cometido crime de responsabilida de fiscal? E a compra de pasadena?.e a petrobras destrocada? E a carestia de volta junto com mais impostos? Terceiro turno, nao. Motivos reais para tanta rejeicao.

Reply

"Em entrevista a blogueiros alinhados com o governo, Dilma disse ..."

Blogueiros alinhados, não!, são pagos com $$$$ público, nosso dinheiro. Por isso esta cambada está alinhada.

Muita gente no terceiro turno, não!!! sua Anta, a eleição foi fraudada, roubada, e não faltam evidências.

FORA DILMA!
FORA LULA!
FORA PT!


Força Aécio Neves!!!!


Chris/SP





Reply

Assistam o que disse hoje Aécio Neves no Senado com relação à CGU que favoreceu D. Dilma!

Impecável !!!!

https://www.youtube.com/watch?v=HDCOjV96iDo


Chris/SP

Reply

Hua Hua Hua, faz cinco anos que ela só faz CAGADAS, e até agora não enquadraram ela!!!!

Reply

Sem comentários sobre o comentário da dilma anta!Quanto à Cunha e seus comparsas congressistas,estão esperando o povo aparecer em Brasília!Só vão trabalhar para fazer acontecer a vontade do povo quando o bicho pegar.Eles também duvidam da força do povo,não sabem que estão à serviço do povo brasileiro!A batata dessa turma tá assando!

Reply

Dor de cotovelo sempre.

Reply